SÃO JOSÉ DO RIO PRETO | QUARTA-FEIRA, 06 DE JULHO DE 2022
'TURISMO DE ARMAS'

Projeto de lei coloca Rio Preto, Catanduva e Votuporanga na 'Rota Turística do Tiro'

Em proposta inspirada no estado norte-americano do Texas, deputado cita que hoje existem espaços até para a prática de "tiroterapia" em família

Gabriel Vital
Publicado em 20/06/2022 às 16:01Atualizado em 20/06/2022 às 17:29
Clube de tiro: local para a prática esportiva (Johnny Torres/Arquivo)

Clube de tiro: local para a prática esportiva (Johnny Torres/Arquivo)

Rio Preto, Catanduva e Votuporanga podem, em breve, representar a região na "Rota Turística do Tiro", um roteiro que tem como principal objetivo promover clubes e escolas de tiro em 39 cidades paulistas. A proposta, que tramita na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp), defende o "turismo de armas" como uma indústria lucrativa, que já oferece até opções de luxo e práticas como a "tiroterapia" em família.

O projeto, inicialmente com 33 cidades, foi apresentado em abril pelo deputado estadual Oscar Castello Branco de Luca (PL), capitão da reserva do Exército. Em maio, o deputado Gil Diniz (PL), conhecido como "Carteiro Reaça", apresentou projeto substitutivo, acrescentando outras seis cidades. Catanduva, por exemplo, não estava na primeira lista. O autor diz que "nenhum município que desejar participar ficará de fora".

A proposta está em análise na Comissão de Constituição, Justiça e Redação e prevê, além da promoção de clubes de tiro nas cidades que estão na rota, a divulgação de eventos e de pontos turísticos ligados à prática, a fim de "potencializar o desenvolvimento socioeconômico regional e do Estado".

O texto também cita que um dos objetivos da lei é incentivar as pessoas a "praticarem o tiro esportivo, de defesa, tático e/ou especializado" e defende as atividades dos clubes e escolas de tiro como "fonte de geração de emprego e renda".

"Para fins de incentivo ao desenvolvimento dos atrativos consubstanciados na 'Rota Turística do Tiro', o Estado, em parceria com os Municípios abrangidos, poderá adotar, na forma da legislação vigente, políticas creditícias, tributárias e de fomento ao investimento", diz o projeto.

Deputado estadual Castello Branco (PL) é autor da proposta (Agência Alesp)

Proposta é inspirada no Texas

Ao justificar a necessidade do projeto, o autor afirma que a proposta é inspirada no estado do Texas, nos Estados Unidos, que recebe turistas em busca de eventos ligados ao tiro esportivo. Castello Branco sustenta que o turismo de armas se tornou uma indústria lucrativa no país norte-americano.

"As empresas com estandes de tiro exploram, ao máximo, esse mercado, sediando casamentos e vendendo camisetas de souvenir cheias de buracos de projéteis", escreve o parlamentar.

Segundo ele, para o público "pujante" de apreciadores de armas, existe hoje uma série de serviços, que incluem Clubes de Tiro de luxo com funcionamento 24 horas, treinamento exclusivo para mulheres e até hotel rural, com espaços para a prática de "tiroterapia" em família.

"Pelo Brasil, os sócios de cubes de tiro firmam convênio com hotéis fazenda, com vistas a incentivar o turismo rural, com isso, vêm se expandindo de maneira significativa em vários setores da economia local e regional, com o surgimento de novos postos de trabalho, demanda por novos profissionais, surgimento de novos produtos, dentre outros", argumenta o deputado.

Santa Catarina também tem projeto

Projeto semelhante ao apresentado em São Paulo tramita na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) e já recebeu parecer pela legalidade e constitucionalidade na Comissão de Constituição e Justiça.

A proposta, de autoria do deputado estadual Carlos Henrique de Lima (PL-SC), conhecido como Sargento Lima, ainda não foi votada em plenário. O texto prevê a inclusão de 27 municípios no roteiro turístico.

Municípios incluídos no projeto da 'Rota Turística do Tiro' em SP

  • Americana
  • Atibaia
  • Avaré
  • Barra Bonita
  • Barueri
  • Bauru
  • Botucatu
  • Caçapava
  • Campinas
  • Casa Branca
  • Catanduva
  • Embu-Guaçu
  • Guararema
  • Itapevi
  • Itaquaquecetuba
  • Itu
  • Jacupiranga
  • Jaguariúna
  • Jaú
  • Lorena
  • Mococa
  • Mogi das Cruzes
  • Ourinhos
  • Praia Grande
  • Ribeirão Preto
  • Rio Claro
  • Saltinho
  • Salto de Pirapora
  • Santos
  • Santa Isabel
  • Santo André
  • São Bernardo do Campo
  • São Caetano do Sul
  • São Carlos
  • São José dos Campos
  • São José do Rio Preto
  • São Paulo
  • Sorocaba
  • Votuporanga
 
Grupo Diário da Região.© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por