SÃO JOSÉ DO RIO PRETO | QUARTA-FEIRA, 06 DE JULHO DE 2022
SÃO PAULO

Nikão e Sara treinam, mas volta vai demorar

O técnico Rogério Ceni e os médicos do clube trabalham para recuperar os atletas contundidos

Agência Estado
Publicado em 22/06/2022 às 01:27Atualizado em 22/06/2022 às 09:10
Técnico Rogério Ceni, do São Paulo (Divulgação/Rubens Chiri/São Paulo FC)

Técnico Rogério Ceni, do São Paulo (Divulgação/Rubens Chiri/São Paulo FC)

Enquanto quebra a cabeça para definir a escalação do São Paulo contra o Palmeiras, no clássico desta quinta, 23, pela Copa do Brasil, o técnico Rogério Ceni e os médicos do clube trabalham para recuperar os atletas contundidos. Nesta terça, 21, os meias Nikão e Gabriel Sara correram em volta do gramado no CT do clube.

Afastado por conta de dores no tornozelo, Nikão não joga há mais de um mês. Embora a atividade tenha um sinal de recuperação, ele tem poucas chances de reforçar o time agora. A situação de Gabriel Sara inspira mais cuidados já que o atleta vem de cirurgia no tornozelo. O seu retorno deve acontecer no final de julho.

Em meio a um calendário apertado e com vários jogadores entregues ao departamento médico, o técnico Rogério Ceni cobra da diretoria uma definição quanto às prioridades que o time deve seguir nas competições que têm pela frente.

Com uma campanha irregular no Brasileiro, o São Paulo ocupa o nono lugar no torneio com 18 pontos. Diante de um aproveitamento de 46,2%, a equipe do Morumbi tem quatro pontos de frente em relação ao Goiás, primeiro time que ocupa a zona de rebaixamento.

O clássico desta quinta é um desafio a mais. Como o primeiro jogo das oitavas vai ser no Morumbi, a necessidade de vitória aumenta já que a partida de volta será no Allianz Parque.

 
Grupo Diário da Região.© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por