SÃO JOSÉ DO RIO PRETO | SEXTA-FEIRA, 22 DE OUTUBRO DE 2021
TRÉGUA NA VILA

Após saída do sufoco, Santos renova com o volante Vinicius Balieiro

O volante assinou nesta segunda-feira, 11, a renovação do seu contrato com o Peixe até 31 de dezembro de 2025.

Da Redação
Publicado em 12/10/2021 às 00:31Atualizado em 13/10/2021 às 08:30
Volante Vinicius Balieiro, do Santos (Ivan Storti/Santos FC)

Volante Vinicius Balieiro, do Santos (Ivan Storti/Santos FC)

Após a vitória providencial no domingo frente ao Grêmio no domingo, 10, no duelo que marcou o reencontro do time com a torcida e principalmente a escapada da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, o Santos alegrou um pouco mais a nação alvinegra praiana: o volante Vinicius Balieiro assinou nesta segunda-feira, 11, a renovação do seu contrato com o Peixe até 31 de dezembro de 2025.

O polivalente defensor chegou ao clube em 2017, aos 17 anos, para atuar na equipe sub-20, e após passar pelo time sub-23, fez a sua estreia no elenco principal em novembro de 2020, na partida diante do Internacional, em jogo válido pelo Campeonato Brasileiro. Na ocasião, o Peixe venceu por 2 a 0 na Vila Belmiro e a partida ficou marcada pela superação dos atletas santistas.

Diversos jogadores do elenco não atuaram por terem contraído a Covid-19 e atletas da base foram chamados para atuar e reforçar o time. Vinicius foi um deles e, após essa partida, se firmou no time profissional.

Extremamente contente, Balieiro falou da importância da renovação: “Feliz demais por ter renovado meu contrato por mais quatro anos. Motivo de alegria para todos da minha família. Mais um sonho realizado de estar nesse grande Clube, e espero dar muitas alegrias e títulos para a torcida”.

Mais que decisão

Com o triunfo sobre o Grêmio, que custou o cargo de Luiz Felipe Scolari à frente do time gaúcho, o técnico Fábio Carille conseguiu pôr um fim na sequência de 11 jogos sem vencer do Santos e elogiou a postura dos atletas por aguentarem a pressão. Decidida nos acréscimos, a partida exigiu muita intensidade e foi marcada por muitas faltas. O treinador disse estar orgulhoso da resposta dada pelos jogadores.

"Estou muito orgulhoso, os jogadores estavam muito pressionados. Já era uma decisão e virou mais do que isso. O Grêmio tem essa ideia de imposição física e de parar o jogo. Precisamos colocar na cabeça dos jogadores para não entrar em pilha e tomar cartão por reclamação", afirmou Carille.

Ficha técnica

undefined

João Paulo; Vinícius Balieiro (Madson), Velázquez e Wagner Leonardo; Marcos Guilherme (Diego Tardelli), Camacho (Jobson), Vinícius Zanocelo (Felipe Jonatan) e Carlos Sánchez; Marinho, Léo Baptistão (Gabriel Pirani) e Lucas Braga. Técnico: Fábio Carille.

undefined

Brenno; Ruan, Kannemann e Rodrigues (Ferreira); Vanderson, Thiago Santos, Lucas Silva (Mateus Sarará) e Rafinha; Douglas Costa (Jean Pyerre), Diego Souza (Churín) e Alisson. Técnico: Luiz Felipe Scolari.

Gol: Wagner Leonardo, aos 46 minutos do 2º tempo. Expulsão: Rafinha.

Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ).

Renda: R$ 59.610,00.

Público: 4.165 pagantes.

Local: Vila Belmiro, em Santos, na tarde de domingo, 10.

 
Copyright © - 2021 - Grupo Diário da Região.É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Desenvolvido por
Distribuido por