SÃO JOSÉ DO RIO PRETO | SEGUNDA-FEIRA, 16 DE MAIO DE 2022
INVICTO

Mirassol espera partida complicada em Belém

Técnico Ricardo Catalá mantém o olhar voltado para o próprio time

Lucas Israel
Publicado em 14/05/2022 às 22:35Atualizado em 14/05/2022 às 23:00
Goleiros do MIrassol durante treinamento; se eles não sofrerem gol, Auriverde retorna com pelo menos um ponto de Belém (Divulgação/Léo Roveroni/ Mirassol FC)

Goleiros do MIrassol durante treinamento; se eles não sofrerem gol, Auriverde retorna com pelo menos um ponto de Belém (Divulgação/Léo Roveroni/ Mirassol FC)

Na liderança do Campeonato Brasileiro da Série C, o Mirassol terá mais uma missão complicadíssima neste domingo, 15, às 17 horas, no estádio Baenão, em Belém do Pará, contra o Remo. Ainda invicto na competição, o Leão tem quatro vitórias e um empate. Já os rivais paraenses vêm de uma dolorida eliminação para o Cruzeiro na Copa do Brasil, em jogo com que terminou na decisão por pênaltis e que a equipe esteve a uma cobrança de vencer.

O técnico Ricardo Catalá ainda prefere olhar com parcimônia para o bom início do Mirassol no torneio. Segundo o comandante leonino, o duelo com o Remo tem tudo para ser o mais difícil até agora na Série C do Brasileiro. Curiosamente ou não, o único tropeço do Auriverde na terceirona foi justamente com o arquirrival do Remo, o Paysandu, no empate por 1 a 1 no estádio José Maria de Campos Maia.

“Espero um jogo dificílimo, mas temos condições de estar à altura do desafio e competir bem. Resultado ninguém pode prometer, mas vamos competir, fazer o nosso melhor e procurar os três pontos. Vamos enfrentar uma equipe, que no papel, é uma das candidatas ao acesso. Vamos buscar fazer o nosso trabalho da melhor forma com bastante disciplina e humildade”, afirmou o treinador.

Catalá ainda ressalta que, apesar do bom momento, o principal objetivo da equipe, agora não é permanecer no topo da tabela a qualquer custo, mas avaliar a qualidade do futebol e a maturidade da equipe.

"O segredo é fazer o que a gente faz. Não olho a tabela, não olhei desde que cheguei e não vou olhar. Se me perguntar quem está em segundo ou em sétimo, não sei dizer. Penso que toda vez que você olha para fora, você está indo na direção contrária de fazer aquilo que está sob o nosso controle. É treinar para caramba, se dedicar e olhar para os nossos erros” completou.

Rival

Já o Remo ainda lambe as feridas depois da eliminação da Copa do Brasil. No dia seguinte à partida, o Leão paraense anunciou a contratação do lateral-direito Celsinho, de 34 anos, que já passou pelo futebol da região ao defender o Novorizontino. ​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​

FICHA TÉCNICA

REMO

Vinícius; Daniel Felipe, Everton Sena, Marlon e Leonan; Anderson Uchôa, Paulinho Curuá, Albano e Erick Flores; Bruno Alves e Brenner. Técnico: Paulo Bonamigo.

MIRASSOL

Darley, Léo Duarte, Luiz Gustavo, Rodrigo Sam e Rhuan; Daniel, Paulinho e Camilo; Negueba, Osman e Gleyson. Técnico: Ricardo Catalá.

Árbitro: Rodrigo Batista Raposo (DF).

Local: estádio Baenão, em Belém do Pará, neste domingo, 15, às 17 horas, com transmissão ao vivo pelo DAZN.

 
Grupo Diário da Região.© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por