SÃO JOSÉ DO RIO PRETO | SÁBADO, 25 DE SETEMBRO DE 2021
IMPOSTO DE RENDA

Receita Federal libera consulta para o 3° lote de restituição do IR

Para saber se foi contemplado, contribuinte pode acessar site

Da redaçãoPublicado em 24/07/2021 às 00:31Atualizado há 24/07/2021 às 08:58
Calendário de pagamento foi mantido: são cinco lotes, pagos entre maio e setembro (Marcello Casal Jr/ Agência Brasil)

Calendário de pagamento foi mantido: são cinco lotes, pagos entre maio e setembro (Marcello Casal Jr/ Agência Brasil)

A Receita Federal abriu, nesta sexta-feira, 23, consulta ao terceiro lote de restituições do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2021. Na região, serão liberados R$ 46,6 milhões a 56.082 contribuintes de 72 municípios da área da Delegacia da Receita Federal de Rio Preto. O crédito será no dia 30. No Brasil, serão 5 milhões de contribuintes, somando mais de RS 5,8 bilhões.

Desse total, R$ 354.326.718,95 referem-se ao quantitativo de contribuintes que têm prioridade legal, sendo 13.985 contribuintes idosos acima de 80 anos, 95.298 contribuintes entre 60 e 79 anos, 8.987 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave e 36.616 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério. Foram contemplados ainda 4.913.343 contribuintes não prioritários que entregaram a declaração até o dia 18 de maio de 2021.

Para saber se a restituição está disponível, o contribuinte deve acessar a página da Receita na internet (www.gov.br/receitafederal), clicar em "Meu Imposto de Renda" e, em seguida, em "Consultar a Restituição". A página apresenta orientações, permitindo uma consulta simplificada ou completa da situação da declaração, por meio do extrato de processamento, acessado no e-CAC.

Se identificar alguma pendência na declaração, o contribuinte pode retificar a declaração, corrigindo as informações que porventura estejam equivocadas. A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones que possibilita consultar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições do IRPF e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

Inicialmente previsto para terminar em 30 de abril, o prazo de entrega da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física foi encerrado em 31 de maio por causa da segunda onda da pandemia de Covid-19. Apesar do adiamento, o calendário original de restituição foi mantido, com cinco lotes a serem pagos entre maio e setembro, sempre no último dia útil de cada mês.

 
Copyright © - 2021 - Grupo Diário da Região.É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Desenvolvido por
Distribuido por