SÃO JOSÉ DO RIO PRETO | DOMINGO, 22 DE MAIO DE 2022
BBB 22

Diretor artístico relembra início de carreira de Linn da Quebrada em Rio Preto

Confirmada na nova temporada do BBB22, que estreia nesta segunda, 17, Linn da Quebrada se conectou ao universo das artes quando ainda morava em Rio Preto

Arthur Pazin
Publicado em 17/01/2022 às 19:39Atualizado em 18/01/2022 às 14:09
Linn da Quebrada na série "Segunda Chamada", da TV Globo (Divulgação/TV Globo)

Linn da Quebrada na série "Segunda Chamada", da TV Globo (Divulgação/TV Globo)

Cheia de quebrar tabus e trazer questionamentos, a atriz, cantora, ativista social e compositora brasileira Linn da Quebrada integra, a partir desta segunda-feira, 17, o elenco da "casa mais vigiada do Brasil". Ela será um dos 20 participantes da nova temporada do Big Brother Brasil, que estreia nesta segunda-feira, 17, às 22h25 minutos, na Rede Globo.

Nascida em São Paulo, Lina Pereira dos Santos, que conseguiu mudar o nome no último mês de dezembro, tem 31 anos, e está na cena nacional musical desde 2016, quando lançou "Enviadescer" no YouTube. Na ocasião, ainda usava o "Mc" antes de seu nome.  No mesmo ano, ela ainda lançou outras 12 músicas autorais.

Nos anos seguintes, após enfrentar um câncer, Linn atuou como jurada no programa "Amor e Sexo", da Rede Globo, e participou da série "Segunda Chamada", como a transexual Natasha. Em 2019, estreou como apresentadora do programa "TransMissão", do Canal Brasil.

Antes da carreira nacional, a artista morou por muitos anos em Rio Preto, tendo passado um período também em Votuporanga. Por aqui, ela vivia com a família materna, testemunha de Jeová, como já relatou a atriz, que começou a trabalhar na cidade, ainda adolescente, como auxiliar de cabeleireira. Na época, ela ainda usava o nome de batismo (Lino).

Linn (segunda pessoa da esquerda p/ a direita), em publicação do Facebook do diretor e produtor artístico Alex Darc (Reprodução/Facebook)

O universo artístico chegou à vida de Linn ao se lançar como performer/bailarina na companhia de dança do coreógrafo, diretor e produtor artístico Alex Darc, tendo encarnado diversos personagens em eventos e festas.

Procurado pelo Diário, Alex Darc, que também é empresário, confirmou que Linn iniciou a carreira em sua empresa. "Foi o primeiro trabalho que ela desempenhou. A primeira oportunidade de se conectar com a arte", lembrou o artista, que citou uma "relação afetiva de amizade" com toda sua equipe.

Linn da quebrada (de amarelo), como performer, durante evento de 90 anos do Colégio Santo André, em Rio Preto, com produção artística de Alex Darc (Reprodução/YouTube)

"Eu lembro de uma relação extramemente carinhosa. Eu olho pra Linn e uma coisa que resgata muito o que tive com ela é o olho e o sorriso que ela tem. Ela não mudou o sorriso", contou Alex, que relatou que a mais nova sister do BBB ficou bastante tempo em sua companhia. O diretor, no entanto, não soube mensurar a quantidade exata de anos.

Diferentemente da postura militante de hoje, Linn era, segundo Alex, bastante inocente. "Conheci o Lino adolescente. Era uma criança praticamente", lembrou o empresário, que afirmou que em nenhum momento, enquanto Linn atuava em sua empresa, ela deixou evidente ou deu indício do pensamento político e militante que tem hoje. "Aflorou depois, até mesmo a transição", comentou.

Apesar de se montar com frequência, seja para trabalho ou em festas da cidade, Alex destacou que Linn "não é a versão do Lino que se montava". "Totalmente diferente o estilo. Não dava indícios dessa libertação em relação à sexualidade, da opinião que tem das coisas, das pessoas, da sociedade. Nem nunca cantou. Foi literalmente uma caixa de Pandora", disse.

Linn em preparação como performer, durante evento de 90 anos do Colégio Santo André, em Rio Preto, com produção artística de Alex Darc (Reprodução/YouTube)

 
Grupo Diário da Região.© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por