SÃO JOSÉ DO RIO PRETO | QUARTA-FEIRA, 18 DE MAIO DE 2022
LOTAÇÃO

Aumento de internações pela Ômicron faz HB suspender as cirurgias eletivas em Rio Preto

Maior hospital da região de Rio Preto decidiu remarcar as operações não urgentes para ter condições de atender a alta demanda por leitos para coronavírus; Santa Casa avalia adotar mesma medida

Marco Antonio dos Santos
Publicado em 26/01/2022 às 20:37Atualizado em 27/01/2022 às 08:43
Atualmente, Hospital de Base tem 79 leitos de UTI e 80 de enfermaria destinados a pacientes com Covd (Divulgação)

Atualmente, Hospital de Base tem 79 leitos de UTI e 80 de enfermaria destinados a pacientes com Covd (Divulgação)

A pressão por mais leitos para pacientes de Covid-19, motivada pelo aumento do número de casos, obrigou o Hospital de Base de Rio Preto a suspender por dez dias as cirurgias eletivas – que são consideradas não urgentes. A Santa Casa também avalia adotar a mesma medida nos próximos dias.

Responsável por atender 102 cidades da região de Rio Preto, o HB faz em média 80 cirurgias eletivas por dia – ou seja, cerca de 800 procedimentos serão afetados. A instituição de saúde estadual já tinha aumentado na semana passada os leitos de UTI e de enfermaria para atender a demanda de pacientes com coronavírus, mas as novas vagas foram rapidamente ocupadas, o que deixou a instituição de saúde com lotação. O hospital tem atualmente 79 leitos de UTI e 49 estão ocupados, o que representa 62%. Na enfermaria, são 80 leitos e 79 pacientes (98%).

A diretora do HB Amalia Tieco informou que a suspensão das cirurgias eletivas começou a ser adotada desde segunda-feira, 24. “A gente suspendeu as cirurgias eletivas, no caso daquelas que dá para esperar. Será igual da outra vez (durante a alta da pandemia em 2021). Só vamos fazer os casos de urgência e emergência e oncológicos, que não dá para esperar por dez dias”, explica a diretora.

Amalia acredita que durante estes dez dias aconteça o pico na quantidade de casos positivos e, consequentemente, de internações, para depois ocorrer a gradual redução da demanda, como apontam os especialistas em epidemiologia. Conforme o Diário mostrou nesta quarta, 26, a região de Rio Preto está com a maior taxa de transmissão do coronavírus do Estado, segundo plataforma da USP e da Unesp que mede a velocidade de contágio. Especialistas atribuem o aumento de casos ao fato de a variante Ômicron ser mais contagiosa.

Amalia garante que o HB vai analisar todas as cirurgias eletivas, caso a caso, para verificar quais delas podem sere adiadas. Além disso, há casos em que as pessoas contraíram coronavírus, portanto, é necessário adiar o procedimento médico.

A Santa Casa de Rio Preto, que recebe a maior parte dos pacientes da cidade com coronavírus, avalia suspender por 60 dias as cirurgias eletivas a partir de terça-feira, dia 1º de fevereiro. O diretor da Santa Casa, Nadim Cury, afirmou que vai consultar o Conselho Municipal de Saúde para manter apenas as cirurgias eletivas de oncologia e neurologia, nos casos em que não é possível fazer a remarcação.

“Em média fazemos 58 cirurgias eletivas por dia. Decidimos fazer a suspensão após reunião com o secretário de Saúde, Aldenis Borim", explica o diretor. “Além disso, vamos aumentar de 18 para 30 os leitos de UTI e de oito para 20 os leitos de enfermaria. Todos para atender pacientes de Covid-19”, afirma o diretor.

Estado vai criar 40 leitos

O governo do Estado vai criar 40 leitos para pacientes com coronavírus na região de Rio Preto. Serão 20 de enfermaria e mais 20 de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). A medida foi anunciada na quarta-feira, 26, pelo governador João Doria (PSDB), durante coletiva. Por enquanto, não foram informados os locais onde ficarão os novos leitos.  

Ao todo, a Secretaria Estadual de Saúde vai criar 700 vagas em todo o Estado. Serão abertos 266 leitos de UTI e 434 de enfermaria em hospitais de gestão estadual que receberão pacientes encaminhados por meio da Central de Regulação de Ofertas de Serviços de Saúde (Cross).

UPAs não farão mais teste rápido de coronavírus

A Secretaria Municipal de Saúde informou nesta quinta-feira, 27, que não serão mais realizados testes rápidos (antígenos) nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs). A medida visa priorizar a testagem por RT-PCR dos casos graves e que necessitem de internações e também em função da dificuldade de adquirir testes rápidos no mercado.

A Secretaria de Saúde afirma que os testes rápidos serão realizados nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) com atendimento respiratório e na unidade respiratória localizada na Swift, desde que tenham o atendimento médico e a indicação de testagem.

“Reforçamos que também serão testados na Swift com rapidez os pacientes que tenham indicações por consultas prévias pela Telemedicina. O serviço funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h, pelos telefones 0800-7722-123 e 0800-7705-870”, informou a Saúde em nota.

A Unidade de Internação Básica (UIB) do Fraternidade, que tem dez leitos, estava com nove pacientes nesta quarta-feira, 26, segundo a Saúde. Vinte e uma unidades estão com atendimento misto, ou seja, para casos de pacientes com sintomas respiratórios ou não. Outras seis unidades atendem apenas as pessoas sem sintomas respiratórias.

Com o início da vacinação das crianças, que estão ocorrendo apenas em seis unidades, o atendimento a pacientes foi alterado. Veja ao lado como está a estrutura de atendimento na saúde municipal.

Estrutura

Estrutura da Saúde em Rio Preto

Confira como está o funcionamento das unidades em Rio Preto. Todas elas funcionam das 7h às 17h, com exceção do Solo Sagrado

Unidades Básicas de Saúde

Atendimento misto (respiratório e não respiratório)

  • Anchieta
  • Cidadania
  • Cidade Jardim
  • Engenheiro Schmitt
  • Estoril
  • Gonzaga de Campos
  • Jardim Americano
  • Jardim Gabriela
  • Jardim Simões/Renascer
  • Lealdade/Amizade
  • Maria Lúcia
  • Nova Esperança
  • Parque Industrial
  • Rio Preto 1
  • São Deocleciano
  • São Francisco
  • Solo Sagrado (das 7h às 20h)
  • Talhado
  • Vetorazzo
  • Vila Mayor
  • Vila Toninho

Somente atendimento não respiratório

  • Caic/Cristo Rei
  • Central
  • Eldorado
  • Jaguaré
  • Santo Antônio
  • Vila Elvira

Unidade fechada

  • Luz da Esperança

Unidade de Internação Básica Covid (UIB)

  • Fraternidade – não atende demanda espontânea

Centro de Atendimento Respiratório – Complexo Swift

  • Atendimento para casos leves de síndromes respiratórias e Covid, com funcionamento diário das 7h à meia-noite.

UPAS

  • Funcionamento 24 horas (Atendimento respiratório e não respiratório)
  • Santo Antônio
  • Jaguaré
  • Norte
  • Tangará
  • Vila Toninho
 
Grupo Diário da Região.© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por