SÃO JOSÉ DO RIO PRETO | SEXTA-FEIRA, 22 DE OUTUBRO DE 2021
Caso Andressa Serantoni

Mulher que matou vizinha em Rio Preto passará por exame psicológico

Mesmo exame já foi realizado no marido da ré, coautor do assassinato de Andressa Serantoni (foto)

Marco Antonio dos Santos
Publicado em 11/10/2021 às 18:08Atualizado em 11/10/2021 às 19:03
Andressa Serantoni, 28 anos, trabalhava como personal trainer em Rio Preto e foi morta pelo casal (Reprodução)

Andressa Serantoni, 28 anos, trabalhava como personal trainer em Rio Preto e foi morta pelo casal (Reprodução)

Está marcado pra sexta-feira, 15, o exame psicológico da dona de casa Sidileide Normanha da Paixão Santos, acusada de assassinar a própria vizinha, a personal trainer Andressa Serantoni. O crime ocorreu no dia 12 de agosto de 2020, no bairro Anchieta, em Rio Preto.

O exame será feito por profissionais de saúde mental da Justiça. A avaliação também vai levar em conta o histórico médico de Sidileide nos últimos anos.

O mesmo exame já foi realizado no marido da ré, o jardineiro Joel Fernandes Santos, coautor do crime. O casal está preso desde o homicidio. O resultado da avaliação mental dele ainda não foi divulgado pela Justiça.

A realização dos dois exames faz parte da estratégia dos advogados de defesa do casal para alegar que ambos não podem ser julgados pelo Tribunal de Júri, por alegada insanidade mental.

Os dois laudos serão analisados pelo juiz da 2º Vara Criminal de Rio Preto, Luiz Guilherme Pião. O Ministério Público pede 30 anos de reclusão para o casal, a pena máxima na legislação brasileira.

 
Copyright © - 2021 - Grupo Diário da Região.É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Desenvolvido por
Distribuido por