SÃO JOSÉ DO RIO PRETO | SEXTA-FEIRA, 03 DE DEZEMBRO DE 2021
NOVO GOLPE

Dois homens são vítimas do 'golpe dos nudes' em Rio Preto; veja como funciona

Prática começa com um pedido de amizade, aparentemente ingênuo a partir de um perfil fake no Facebook, com foto de uma adolescente

Rone Carvalho
Publicado em 23/10/2021 às 15:30Atualizado em 24/10/2021 às 07:43
 (tookapic por Pixabay)

(tookapic por Pixabay)

Dois homens foram vítimas do “golpe do nudes”, em Rio Preto. Uma das vítimas era extorquida desde outubro de 2019, e só denunciou o caso para a polícia nesta semana após a esposa flagrar as fotos no celular da vítima. Ambos os casos foram registrados na Central de Flagrantes de Rio Preto.

Segundo informações do boletim de ocorrência, um eletricista de 46 anos contou que recebeu uma mensagem nas redes sociais de uma moça que se apresentou como “Gabriela”. Eles trocaram fotos íntimas. Em seguida, um “suposto” inspetor da polícia civil entrou em contato com o eletricista dizendo que caso ele não pagasse a quantia em dinheiro, o caso seria registrado como pedofilia, já que a moça era menor de idade.

Com medo, o eletricista chegou a depositar R$ 600 para os criminosos. Contudo, após um novo pedido de uma quantia de R$ 5 mil, a vítima suspeitou e procurou a polícia. Foi quando descobriu que caiu no “golpe do nudes”.

Outro caso

Também nesta sexta-feira, dia 22, um motorista de 42 anos registrou um boletim de ocorrência após cair no mesmo golpe. No caso dele, a extorsão acontecia desde outubro de 2019. A vítima também estava sendo ameaçada por supostos policiais do Rio Grande do Sul. Ele só denunciou o caso após a esposa flagrar as fotos íntimas no celular nesta semana.

Como funciona

Essa não é a primeira que homens são vítimas do “golpe do nudes” na região. A prática começa com um pedido de amizade, aparentemente ingênuo a partir de um perfil fake no Facebook, com foto de uma adolescente.

Em seguida, os golpistas tomam a iniciativa de entrar em contato com homens para a troca de mensagens com o envio de fotos de mulheres nuas. Isso é apenas a ponta do iceberg para uma avalanche de supostos crimes como estelionato e extorsão.

No chamado "golpe do nudes", eles pedem para as vítimas também enviarem fotos íntimas e, posteriormente, pedem dinheiro para não divulgá-las nas redes sociais ou para a família.

 
Copyright © - 2021 - Grupo Diário da Região.É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Desenvolvido por
Distribuido por