X

Diário da Região

26/05/2015 - 00h25min

Saúde

Recarregue-se

Saúde

Stock Images/Divulgação NULL
NULL

Ele aparece de manhã, no meio do dia, no trabalho, à noite, para sugar nossas energias. Estamos falando do cansaço, interminável e persistente, que dá a sensação de que qualquer atividade cotidiana exige um esforço sobre-humano para ser realizada e nos leva à fadiga. Tal condição pode ser reflexo da vida moderna, afinal, enfrentamos um trânsito congestionado, trabalhamos muito em meio a pressões e vivemos em estado de estresse que acaba levando ao esgotamento físico e mental. Também podem ser sintomas de uma noite mal dormida ou uma doença. 

O cansaço exagerado tem origem no cérebro. Ele envia a todo momento impulsos elétricos para o corpo, e esses impulsos, ao chegarem aos músculos, sofrem reações químicas, resultando em energia mecânica, ou seja, nos movimentos. A fadiga ocorre quando esses estímulos estão em desarmonia. É claro que ninguém está fadado a passar a vida lutando para manter o pique em alta. Confira dez dicas de mudanças no seu estilo de vida para ajudá-lo a repor o gás.


PRATIQUE EXERCÍCIOS

::  Exercitar o corpo melhora a captação, o transporte e a utilização do oxigênio em nosso organismo. Coração, pulmão e músculos conseguem converter esse gás em energia. Não precisa ficar escravo dos exercícios. "Três vezes por semana é o suficiente para sentir uma melhora nos músculos posteriores e anteriores", explica Emanuel Silva, educador físico da Aquática Escola de Esportes. O ideal é combinar exercícios aeróbicos e anaeróbicos

QUER SABER? RELAXE...

:: É importante conhecer os próprios limites para mudar a percepção sobre as pressões. "Valorizar os momentos de lazer também é fundamental. Leia um livro, reveja fotos antigas, contemple uma paisagem, ouça música, brinque com seu bichinho de estimação", recomenda a escritora e especialista em comportamento humano, Branca Barão. Tente fazer desses momentos de abstração um hábito diário. Quanto menos você focar no que ainda não aconteceu, maiores são as chances de sua vida melhorar. Foque no agora, a vida é o que nos acontece a cada momento

COMA ABACATE E NOZES

:: O equilíbrio na alimentação é fundamental, mas alguns alimentos são ricos em fitoesteróis, aliados no combate ao cortisol, o hormônio do estresse. "O abacate é o campeão", diz a nutricionista Sandra Reis. Coma uma porção por dia no fim da tarde. Abuse de castanhas como de caju, macadâmia, do Pará, pistache, avelã, nozes e pinhão, além de grãos como feijão, grão de bico e lentilha. Pimentas, coentro e folha de uva também são aliados. "Compense os excessos alimentares com uma dieta mais leve no dia seguinte", recomenda Sandra


VÁ AO MÉDICO

:: Se o cansaço e a fadiga insistirem em não desaparecer, procure auxílio de um médico. Ele poderá pedir exames como hemograma, glicemia, dosagem hormonal e outros mais específicos, caso do eletrocardiograma e do teste de função hepática, que ajudam a identificar o que está prejudicando a disposição

MANTENHA O TANQUE CHEIO

:: Manter o corpo hidratado é uma boa tática para não se cansar . Se você não se hidratar, as células vão extrair a água da circulação. O sangue se torna mais denso e a absorção da energia será dificultada. "Encare os instantes para se hidratar como momentos recarregadores de baterias, e se foque completamente no que está fazendo", diz Ana Relvas, coach master practitioner em Programação Neurolinguística 

FAÇA TRABALHO VOLUNTÁRIO

:: "Quando nos dedicamos voluntariamente, os efeitos do estresse são diferentes dos efeitos do estresse causado pelo trabalho, independentemente da própria vontade, que raramente podemos controlar", disse Kenneth R. Pelletier, psicólogo clínico da Faculdade de Medicina da Universidade Stanford. Herbert Benson, professor adjunto de medicina da Faculdade de Medicina de Harvard, garante que quando fazemos um trabalho voluntário ocorre o contrário do estresse. "Nós relaxamos", afirma. O metabolismo, a pressão arterial, os batimentos cardíacos e a respiração diminuem, assim como a ansiedade, a depressão e a irritação

DURMA BEM

:: As qualidades do sono e de vida são diretamente proporcionais. Afinal, o sono é uma função imprescindível do nosso organismo para a manutenção da saúde do corpo e da mente. Enquanto dormimos, nosso corpo realiza funções extremamente importantes, como secreção e liberação de hormônios, fortalecimento do sistema imunológico, consolidação da memória, entre outras 

ANTES DE SAIR DE CASA, MEDITE

:: A meditação traz um descanso profundo para a mente. E quando a mente está relaxada, podemos nos concentrar melhor e não nos incomodamos tanto com as situações, sejam elas desagradáveis ou não. "Para meditar, simplesmente sente-se confortavelmente com a coluna reta, feche os olhos por alguns minutos. Deixe os pensamentos fluírem. Esses poucos minutos são como um banho para a sua mente, tornando-a revigorada e aguçada", explica Rajshree Patel, pacifista internacional da ONG Arte de Viver

OUÇA MÚSICA

:: Emoções positivas são despertadas sempre que ouvimos músicas que gostamos. Ao escutar uma boa música, as áreas cerebrais envolvidas com as sensações de prazer e recompensa são ativadas, o que não só nos distrai temporariamente dos problemas, como diminui o nível do hormônio de estresse no organismo, reduzindo a ansiedade. Na dúvida do que ouvir, invista em músicas instrumentais, já que a ausência de letra deixa a mente mais leve. A música estimula os sentidos, desenvolve a capacidade de atenção, a memória e a criatividade, diz Cristiane Ferraz, psicóloga e musicoterapeuta


CONTEMPLE A NATUREZA

:: Certifique-se de obter sua dose diária de luz solar. Nada de ficar o dia inteiro dentro de um escritório frio e escuro, sem prestar atenção no que ocorre do lado de fora. Quando você contempla a natureza, você sente a presença de Deus, e isso certamente vai tornar seu dia mais leve, mais fácil e com a certeza de que existe uma força maior

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso