X
X

Diário da Região

31/07/2016 - 00h00min

Educação

Mesmo longe da escola, é possível manter os estudos

Educação

Johnny Torres 21/7/2016 Como está participando das Olimpíadas de Matemática, a estudante do 7º ano Julia Polotto da Silva, 12 anos, resolveu conciliar descanso e diversão com a manutenção dos estudos durante as férias
Como está participando das Olimpíadas de Matemática, a estudante do 7º ano Julia Polotto da Silva, 12 anos, resolveu conciliar descanso e diversão com a manutenção dos estudos durante as férias

Aos 12 anos, a estudante Julia Polotto da Silva já sabe da importância de estudar para conquistar seus objetivos. Durante um período das férias de julho, saiu cedo de casa e foi até a Unesp para aprender um pouco mais. Ela estava se preparando para prestar mais uma prova da Olimpíada de Matemática. Passou nas duas primeiras fases e estava se planejando para o terceiro exame. Para isso, a dedicada estudante do 7º ano contou com a ajuda de monitores e professores. 

Fã de matemática, ela enxergou os estudos durante o período de férias como um passatempo. “Eu gosto de matemática e decidi estudar na folga por conta própria. Estudava de manhã e depois, durante a tarde, fazia minhas atividades normais, como brincar com amigos.” Além da ciência do raciocínio lógico, que estuda os números, Julia gosta também de ler livros indicados pela escola e pensa em ser arquiteta quando crescer. “Meu pai é engenheiro, gosto desta área. Mas ainda não tenho certeza da escolha.”

Julia é um exemplo para crianças, adolescentes e adultos quando o assunto é conseguir atingir uma meta, como uma prova, um vestibular ou concurso. Ao decidir fazer o exame, ela se dedicou e provavelmente vai conseguir êxito no final, segundo Silvana Parreira, psicóloga e consultora de RH e coach da empresa Juceje. 

Ela também acertou quando reservou tirar uma parte do dia livre para curtir a folga escolar. Paralelamente aos estudos, a especialista sugere fazer uma caminhada, uma leitura descontraída e até mesmo um passeio com os amigos.

Estudar nas férias ou nos momentos de folga do trabalho é uma boa opção. Relaxar a mente na folga e revezar o dia com os estudos ajudam na memorização do conteúdo aprendido, de acordo com Silvana. E ter um planejamento de estudos diário é importante. 
“O ideal é montar um horário, seguir o roteiro e não se estressar. O estresse é prejudicial no processo de memorização e aprendizado”, diz Silvana. Outra opção é estudar um dia todo e folgar no outro. 

É possível conciliar ainda momentos de conhecimento e diversão. Filmes, peças de teatro e exposições de arte que contam histórias podem ajudar o aluno a entender o conteúdo. E quando o aluno consegue conciliar o processo de memorização, o resultado é ainda melhor. “Na hora da prova, não deixe o nervoso tomar conta. Se não estiver lembrando da matéria, feche os olhos e tente recordar o momento que estava estudando, a página do livro ou a sua fala ao ler no momento do estudo. É uma técnica que ajuda a recordar. Quando o estudo é feito com momentos de prazer, diversão, colocando teoria na prática, essa técnica tem mais sucesso”, afirma Silvana. 

Claudio Falcão, gerente da assessoria pedagógica do Sistema de Ensino pH, afirma que, ao estudar, o aluno deve ter em mente que quanto mais tempo conseguir dedicar desse período para seu aprendizado, maior são suas chances de atingir os objetivos. Umas das opções de estudo é fazer simulados das últimas provas. Não só a resolução de questões, mas também o contexto da prova, como a duração média do exame. 

Cursos no exterior

As férias estão acabando, mas você já pode pensar na próxima e começar a programar uma viagem de turismo com um curso no exterior. O intercâmbio de férias, conhecido por Winter ou Summer Camp, por exemplo, proporciona ao estudante o aprendizado de um novo idioma, além da convivência com uma cultura diferente. 

De acordo com Guilherme Garcia, coordenador de produtos da Global Study, franquia de intercâmbios, um programa básico conta com até cinco semanas, com adolescentes a partir de 14 anos, no Canadá ou nos Estados Unidos. Para agendar a viagem, ele indica procurar uma agência de intercâmbio qualificada para ajudar na escolha e em todas as etapas do planejamento. Alguns pacotes de viagens são completos e incluem curso, refeições, acomodação e atividades.

Dicas

- Nos períodos de estudo, é necessário estabelecer horários. Se estudar pela manhã, deve ficar livre à tarde. Ou vice-versa. O importante é perceber em qual momento o rendimento é maior. Uma boa dica é montar um cronograma de estudos para as férias em que os horários para acordar, fazer as refeições e estudar estejam definidos
- É importante dividir as férias em dois momentos: na primeira metade, o estudante tem que relaxar, se divertir, espairecer; na segunda, é aconselhável que ele retome paulatinamente os estudos e faça um simulado. Dessa forma, dividindo bem seus dias e horários entre estudar e se divertir nas férias, não comprometerá nenhum dos lados
- É fundamental pensar na saúde. Cuidar da alimentação e praticar exercícios, pois além desses hábitos serem importantes para o organismo, eles fazem bem para a mente. Se o aluno está ansioso ou não consegue se concentrar, com meia hora de atividade física ele ficará mais focado. Outra dica para melhorar a concentração é dormir bem. Não há nada como uma boa noite de sono para se ter mais atenção no que se está fazendo

Fonte: Claudio Falcão, gerente da assessoria pedagógica do Sistema de Ensino pH

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso