X
X

Diário da Região

28/08/2016 - 00h00min

Inspiração olímpica

Crianças sonham um dia conquistar uma medalha na ginástica

Inspiração olímpica

Mara Sousa 18/8/2016 A estudante Giovana Meira Zerati tem 11 anos, treina desde os 6 nas aulas do ginásio do Natalone e pretende competir nas próximas Olimpíadas
A estudante Giovana Meira Zerati tem 11 anos, treina desde os 6 nas aulas do ginásio do Natalone e pretende competir nas próximas Olimpíadas

A estudante Giovana Meira Zerati tem apenas 11 anos e já sabe o que quer ser quando crescer: uma atleta profissional de ginástica artística. Treinando desde os 6 anos em Rio Preto, ela já competiu em copas, jogos regionais e abertos e sabe que precisa de disciplina e empenho para conquistar seu sonho. “No começo me inspirei na minha irmã, que treina ginástica rítmica, e agora quero competir nas próximas Olimpíadas.”

Giovana integra uma turma de crianças, entre 4 e 15 anos, que está matriculada nas aulas de ginástica rítmica e ginástica artística que acontecem no ginásio Antônio Natalone, em Rio Preto. As aulas integram o projeto municipal Escolinhas de Iniciação Esportiva. Cerca de 300 crianças estão matriculadas nas aulas ministradas por quatro professores. Um deles é Cleide Monteiro, que já foi atleta de ginástica artística e atua na escolinha desde 2006. As aulas vão desde iniciação até o nível de competição. 

Inspiradas em ginastas como Flávia Saraiva, Jade Barbosa, Arthur Nory Mariano e Diego Hypolito, que competiram nos Jogos Olímpicos encerrados há uma semana, no Rio de Janeiro, muitas crianças têm se interessado pelas aulas de ginástica artística e ginástica rítmica. Além do Natalone, que oferece a atividade para o público em geral, em Rio Preto há aulas de ginástica artística no colégio Santo André, ministradas pela professora Marisilda Viudes Arali Vieira e destinadas para seus alunos. 

A popularização do esporte é vista de forma positiva por Marisilda, que fala sobre as diferenças entre a ginástica rítmica e a artística, também conhecida olímpica. “Nas competições, a ginástica rítmica é uma modalidade feminina. No entanto, hoje, em vários lugares do mundo, existem homens que a praticam. Os materiais usados são arco, bola, corda, fita, e as ginastas executam movimentos de graciosidade, flexibilidade e equilíbrio, entre outros, em um tablado com acompanhamento musical, em que devem usar o máximo da extensão do solo durante a execução da série.”

Já a ginástica artística, nas competições há a presença de homens e mulheres. Na categoria masculina, os atletas utilizam seis aparelhos - solo (tablado de 13x13m), salto sobre a mesa (antes sobre o cavalo), barra fixa, argolas, barras paralelas simétricas e cavalo com alças; na feminina, são quatro - solo, salto sobre a mesa, trave de equilíbrio e barras paralelas assimétricas. 

“Os ginastas se apresentam de forma individual, um de cada vez, e são somadas sua notas, seja por equipe ou individual. Já a artística baseia-se na evolução técnica dos exercícios físicos e, para isso, executam-se várias repetições destes movimentos”, explica.

De maneira geral, qualquer pessoa pode praticar a ginástica artística, que é um dos esportes competitivos mais antigos do mundo. Assim como no Natalone, no colégio Santo André os alunos praticam a iniciação esportiva. “É uma atividade física em que todos os alunos podem participar das aulas, sempre respeitando a técnica da ginástica e o limite de cada aluno.”

Tanto Marisilda quanto Cleide afirmam que, se feita sob supervisão adequada, a ginástica artística traz muitos benefícios, incluindo melhora do desenvolvimento físico e cognitivo. “Como a prática exige precisão, a crianças ficam mais concentradas, seguras e se comunicam melhor. O esporte também deixa a criança com mais consciência corporal e força. Como falamos muito em disciplina e respeito no esporte, as crianças levam isso para suas casas e escolas, com seus pais e professores”, afirma Cleide. 

Marisilda lista mais benefícios do esporte. “A prática da ginástica melhora a autoestima, coragem, determinação, o respeito ao seu limite e dos companheiros de turma. Na parte física, a ginástica é um dos esportes que exigem o mais variado tipo de movimentos, que vão ajudar no desenvolvimento da criança, como andar, correr, saltar, pular, arrastar-se, girar, pendurar, assim como no aumento da força, flexibilidade e agilidade”, afirma a professora, que foi atleta nos anos 1980 e ministra aulas de ginástica desde 1989.

Serviço

- Interessados em se inscrever nas aulas de ginástica rítmica e ginástica artística do ginásio Natalone devem ir até o local para fazer a matrícula. No espaço, as aulas são divididas por turmas de idade e sexo. Podem participar crianças entre 4 e 15 anos. As atividades são gratuitas e acontecem de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 10h30 e das 14h às 18h. O telefone para informações é (17) 3222-1617

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso