X
X

Diário da Região

13/11/2016 - 19h28min

São Paulo

Caso a WTorre queira, Paulo Nobre pode ajudar o Palmeiras na compra da arena

São Paulo

Se durante a última semana Paulo Nobre, presidente do Palmeiras, negou que estaria tentando encontrar uma forma de o clube comprar o estádio Allianz Parque junto à construtora WTorre, parceria na construção e na gestão da arena, neste domingo ele mudou um pouco o discurso e admitiu pela primeira vez que poderia ajudar a viabilizar o negócio, caso a empresa queira negociá-la. Em entrevista à rádio Jovem Pan, Paulo Nobre afirmou que não pode comprar sozinho o estádio, mas disse que essa operação seria perfeitamente possível através de parcerias. "Eu gostaria de ter o tamanho que as pessoas acham que eu tenho. Se eu tivesse condições, compraria o estádio. Hoje, não tenho, mas os palmeirenses são engajados. Poderíamos nos unir, buscar parceiros e recursos para viabilizar a compra. Não tenho dúvidas de que isso seja possível de acontecer. Mas, primeiro, precisamos saber da vontade deles em querer comercializar o estádio", afirmou. "Se a parceira decidir vender o Allianz Parque, a gente pode tentar viabilizar a compra", completou o presidente. Palmeiras e WTorre possuem um contrato. A construtora é a responsável por administrar a arena e tem direito a todas as suas receitas - excluindo as dos jogos de futebol do clube - por 30 anos. O Palmeiras tem participação crescente nos lucros com o passar do tempo. A relação entre os parceiros é complexa, cheia de divergências desde a inauguração do estádio, em 2014. A WTorre não entregou algumas coisas que o Palmeiras julga ser de responsabilidade da construtora, como cabines de imprensa escrita dentro do Allianz e setores dentro do clube, entre outros - o Palmeiras considera que os edifícios para os associados foram entregues sem condições de uso e com acabamento precário, o que obrigou Nobre a gastar mais de R$ 20 milhões em obras de infraestrutura, de acabamento e de instalação dos departamentos, valores que foram repassados aos associados. Outros pontos de divergência são recentes, como a instalação de câmera de segurança no camarote da presidência e as críticas constantes ao estado do gramado, castigado durante todo o ano por shows e eventos.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso