X

Diário da Região

27/06/2015 - 12h07min

Nottingham

André Sá vence em duplas em Nottingham e fatura 9.º título da carreira

Nottingham

Aos 38 anos, André Sá vai voltar a ser um dos 50 melhores duplistas do mundo após três anos. Neste sábado, o brasileiro, em parceria com o australiano Chris Guccione, faturou o título do Torneio de Nottingham, na grama, último preparatório para Wimbledon. Na final, Sá e Guccione venceram Pablo Cuevas (Uruguai)/David Marrero (Espanha) por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 7/5. Perto de completar 20 anos jogando no Circuito Mundial, André Sá conquistou o nono título da carreira - todos foram conquistados em duplas. O catarinense ganhou pela primeira vez em 2001, em Hong Kong, e depois ficou seis anos sem conquistas. Ganhou cinco vezes com Marcelo Melo entre 2007 e 2009, e mais uma com Jamie Murray em 2011. Depois de um jejum de quatro anos, Sá já tem dois títulos na temporada. Com o finlandês Jarkko Nieminen, ele havia sido campeão em Buenos Aires. Neste ano, com Guccione, na grama, Sá venceu em Manchester e furou o quali em Queens. O título de Nottingham é tem uma importância especial porque, após o encerramento de Roland Garros, começou a contagem de pontos para o ranking olímpico. O torneio de duplas no Rio terá 32 times e André Sá, se subir mais alguns postos no ranking, tem chances de disputá-lo. SIMPLES - Na decisão da chave de simples de Nottingham, vitória de Denis Istomin, do Usbequistão, sobre o norte-americano Sam Querry, por 2 sets a 0, com 7/6 (7/1) e 7/6 (8/6). O título é o primeiro da carreira do usbeque, número 92 do ranking mundial. Aos 28 anos, ele nunca havia disputado uma final na ATP. O torneio contava com alguns nomes importantes, como os espanhóis David Ferrer e Feliciano Lopez, o francês Gilles Simon e o argentino Leonardo Mayer. Todos, entretanto, caíram antes das semifinais. MULHERES - No tênis feminino, este sábado foi dia de final em Eastbourne, também na Inglaterra. Número 31 do ranking mundial, a suíça Belinda Bencic, de apenas 18 anos, surpreendeu a favorita Agnieszka Radwanska, venceu por 2 a 1 (6/4, 4/6 e 6/0), com direito a pneu, e faturou seu primeiro título da carreira. Bencic havia contado com desistência de Caroline Wozniacki para chegar à final.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso