X
X

Diário da Região

22/11/2015 - 00h00min

Fim de Ano

Vale tudo para você gastar

Fim de Ano

Guilherme Baffi O policial militar Eduardo Prado Borges aproveitou a folga na semana para levar os filhos Diego e Felipe, e a mulher, Gisele, para verem a decoração de Natal de um shopping de Rio Preto
O policial militar Eduardo Prado Borges aproveitou a folga na semana para levar os filhos Diego e Felipe, e a mulher, Gisele, para verem a decoração de Natal de um shopping de Rio Preto

Da singela musiquinha de Natal à possibilidade de ganhar um carro e até mesmo “estratégias de guerra” vale tudo para tentar tirar a razão do consumidor e fazer com que, pela emoção ou mais conhecido no mercado como impulso, ele gaste no comércio de Rio Preto. A crise econômica, o desemprego, o endividamento da população, somados ao pessimismo que tomou conta do País, estão fazendo com que o clima natalino seja menos sentido este ano e as famílias fiquem menos dispostas a realizar os sonhos de consumo próprios e dos pequenos.

A previsão do comércio central não é otimista. Trabalha com manter as vendas nos mesmos patamares de 2014. Os shoppings apostam em um crescimento maior. Para tirar o consumidor de dentro de casa, os centros de compras de Rio Preto investiram pesado em decoração. Esperam que o deslumbre causado nas crianças se reflita nos adultos. Também criaram programações especiais como chamarizes de clientes.

Todos têm a figura do Bom Velhinho e acreditam que, ao pai ou mãe ouvirem o pedido da criança ao Papai Noel, se comovam e decidam pela compra do presente. Elementos cenográficos, apresentações de corais, de teatro infantil, personagens ilustres do universo infantil, luzes, cores, árvores natalinas todos os elementos que podem somar e despertar outro sentimento, fazer esquecer um pouco a crise, estão sendo usados pelos centros de compras. E, pelo jeito, têm dado certo.

O policial militar Eduardo Prado Borges, 39 anos, aproveitou o dia de folga e foi durante a semana em um shopping de Rio Preto para levar os filhos Diego, 10, e Felipe, 3, junto com a mulher, Gisele, 31, para verem a decoração de Natal. “Viemos trazer as crianças para ver, elas ficam encantadas e nós também”, diz Gisele. Contudo, antes de sair de casa avisaram os filhos que seria brinquedos ou compras. “Não dá para gastar muito. É só para a gente se divertir um pouco”, disse.

 

Arte - Campanha Shoppinha - 22112015 Clique na imagem para ampliar

Quando viu o trono do Papai Noel, os olhos brilharam e o sorriso de Diego se abriu. O garoto era a personificação de como a decoração faz a alegria de uma criança. “É lindo demais, parece que estou no mundo das mil maravilhas”, disse. “Eu até esqueço que não tem muito dinheiro para gastar, mas minha mãe me lembra”, completou. Os presentes de Natal das crianças, segundo os pais, apesar do aperto financeiro, virão.

Eduardo, 5, já escreveu a cartinha para o Papai Noel e colocou em uma caixinha em um centro de compras. A mãe, Mara Leme, 37, disse que ele vai ganhar. “Eu coloco uma meia na janela e no Dia do Natal o Papai Noel deixa meu brinquedo lá. No ano passado ele também me deu presente”, disse Eduardo. A empresária Mara diz que tem evitado ir aos centros de compras com o filho porque gasta muito. “Não tem como negar um lanche, um brinquedo. Só hoje já gastamos mais de R$ 150. Mas já fiz a pesquisa de preços e sei onde comprar o presente de Natal”.

A céu aberto

O comércio central de Rio Preto não investiu este ano em decoração. As lojas estão sem o tradicional brilho natalino. A campanha de Natal com sorteio de prêmios foi trocada por uma institucional para tentar atrair os consumidores da região, que é bancada pela Associação Comercial e Empresarial de Rio Preto (Acirp).

Também ficará por conta da Acirp tentar despertar a emoção dos consumidores que forem fazer compras no Centro. No próximo dia 7, quando o comércio começa a ficar aberto até as 22h, será lançada a campanha natalina da entidade. A decoração, cujo tema é circo, será inaugurada. Durante dez dias shows e apresentações vão animar a noite de quem for às lojas centrais.

Guerra é guerra, até para vender

O Shopping Center Iguatemi de Rio Preto terá, como estratégia de campanha de Natal, um treinamento que será dado aos lojistas amanhã. A palestra será com Rodrigo Pimentel, o criador do Capitão Nascimento. Sob a inspiração do filme Tropa de Elite, o treinamento tem como focos: o compromisso com a marca (empresa), resultados, trabalho em equipe, superação de limites/metas, liderança mútua e a autorealização no cumprimento da missão/tarefa.

A história do Capitão Nascimento mostra que, assim que ele consegue poderes ao integrar o serviço de inteligência da polícia do Rio de Janeiro, transforma o Batalhão de Operações Especiais (Bope) em uma “máquina de guerra” muito eficiente. 

Clima natalino faz diferença

Segundo o consultor de marketing do Sebrae em Rio Preto, Edgard Neto, ao criar um clima natalino, o comércio consegue despertar as compras por impulso. “O consumidor está racional, pensa muito antes de comprar, mas quando ele vê diferença, sente emoção, pode acabar comprando”, disse. Ele orienta os comerciantes a pensar e elaborar belas vitrines e terem uma ambientação, iluminação e arranjo de produtos certeiros. “Tem que pensar em colocar próximos produtos que agucem a venda. Se a pessoa foi comprar uma bolsa, por exemplo, pode sair com um cinto também.”

O diretor de inteligência da GS Group, Fernando Gibotti, empresa de soluções para o varejo, orienta os comerciantes a criarem ações diretas que atraiam o consumidor. No caso do lojista do Centro, pode ser algo como dar uma pequena lembrancinha a cada R$ 100 em compras, por exemplo”. Ele afirma que a grande sacada é aproveitar esse momento de maior movimento dentro das lojas para criar cadastros dos consumidores e, futuramente, o conquistar como cliente. “Ao fazer o cadastro e depois informar por telefone ou mensagens sobre as novidades ou promoções você começa a criar uma ação de relacionamento e é isso que gera venda, inclusive nos períodos mais fracos para o comércio”, explica. 

 

Papai Noel na tirolesa - 22112015 Papai Noel chega de tirolesa no Shopping Cidade Norte

Papai Noel chega a shopping de tirolesa

O Papai Noel chegou ontem de tirolesa ao Shopping Cidade Norte para dar início às celebrações de Natal. O shopping já está todo decorado no clima natalino e pronto para receber os consumidores. A expectativa é de aumento das vendas superior a 30% em relação ao mesmo período do ano passado. E para aumentar as vendas, o sorteio de R$ 50 mil em barras de ouro.

Shoppings estão mais animados

Entre os shoppings de Rio Preto, as expectativas de vendas são um pouco melhores, com crescimento de aproximadamente 30% nas vendas. Para isso, os centros de compras estão investindo em ações promocionais, eventos e inaugurações de lojas para chamar seus consumidores e aumentar o movimento. Os sorteios vão de carros a barras de ouro. O Shopping Cidade Norte espera registrar a mesma margem de aumento observada em todas as suas principais campanhas, quando o aumento nas compras supera os 30%. Para isso, além da decoração, o centro de compras preparou a inauguração de novas lojas e a campanha Natal de Ouro Shopping Cidade Norte, que vai sortear R$ 50 mil em barras de ouro. 

No Praça Shopping, a expectativa é de um crescimento entre 8% e 10% na comparação com o mesmo período do ano passado. “Este ano foi um ano razoável para o comércio. Além de encontramos um cenário de crédito mais restrito para a população de menor poder aquisitivo, ainda temos a insegurança pelas mudanças na economia e a alta do dólar que gerou aumento de preços”, afirma o diretor superintendente do Praça, Marcos Fernandes. O centro de compras vai sortear um carro zero quilômetro.

O Plaza Avenida Shopping também está apostando na tríade novidades, sorteio de carro e decoração para conquistar os consumidores. “O Natal é a melhor data para o varejo em geral. Além dos tradicionais presentes natalinos, muitas pessoas aguardam o fim de ano e o 13º salário para fazer compras. Isso tudo contribui para o aumento das vendas, que deve ser de 6%, levando em conta apenas as lojas que já existiam no ano passado, e de 37% contando as novas”, diz Carlos Madureira, gerente geral do Plaza. Além disso, o Plaza está lançando um programa de fidelidade, o Clube Plaza Avenida. 

A cada R$ 10 em compras em qualquer loja ou restaurante, o consumidor ganha um ponto. A cada 30 pontos, ele recebe um panetone Cacau Show. O Riopreto Shopping anunciou que vai sortear dois carros para atrair os consumidores e espera registrar um crescimento de 28% nas vendas, na comparação com o Natal de 2014. “A expectativa é das melhores por diversos fatores como a inauguração de novas lojas, tradição do shopping, variedade de produtos e serviços e, claro, a campanha de Natal”, afirmou o shopping em nota. O Iguatemi também está apostando todas as suas fichas em ações e em sua campanha

 

Luiz Fernando de Sá - 22112015 Sá investe em promoção e ações

Expectativa vai de pessimista a cautelosa

O Natal sempre foi a data mais esperada por comerciantes de Rio Preto. Esse era o período em que as vendas cresciam. Era o momento da salvação. No entanto, esse cenário de expectativa passou para apreensão em 2015. Depois de um ano inteiro com quedas constantes nas vendas, o Natal chega acompanhado por um otimismo contido, como afirma Adriana Neves, presidente da Associação Comercial e Empresarial de Rio Preto (Acirp). “Esperamos que as vendas se mantenham estáveis na comparação com 2014, que já foi um ano fraco no Natal. Sendo muito otimista, pode ser que tenhamos alta de 1% ou 2%.”

O diretor executivo do Sindicato do Comércio Varejista de Rio Preto (Sincomercio), Ricardo Ismael Arroyo, tem uma visão diferente. “Nossa expectativa é de queda, e por isso, não tivemos adesão suficiente para campanhas.” Sem nenhuma campanha promocional específica para a região central, a Acirp afirmou que vai destinar o dinheiro que seria investido em um prêmio para a divulgação do comércio de Rio Preto. “ Queremos recuperar a atratividade que o comércio de Rio Preto tinha, tanto para o centro quanto para os shoppings, trazer as pessoas da região de volta”, diz Adriana. Mas nada impede que os lojistas façam suas ações promocionais.

“Nossas dicas para o comerciante são simples e não geram custo algum: organizem ofertas atraentes com produtos estratégicos e disponibilizem seus produtos de uma forma que traga maior visibilidade para seu estabelecimento, afirma Arroyo.” E é justamente isso que Luiz Fernando de Sá, proprietário da Brasil Cacau, está fazendo. “Vamos começar a fazer promoções na semana que vem, aproveitando a Black Friday, faremos a Black Week, com descontos de 20%”. Sá também está investindo em produtos diferenciados para atrair os clientes. Além de tudo isso, a loja ainda vai contar com uma promoção vinda da franqueadora que vai sortear um carro, um smartphone e R$ 15 mil em dinheiro. “E teremos prêmio na hora também: dinheiro, descontos ou produtos.”

 

 

 

>> Acesse aqui o Diário da Região Digital

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso