X
X

Diário da Região

06/10/2015 - 11h55min

São Paulo

Produção de veículos cai 19,5% em setembro e vendas recuam 3,5%, revela Anfavea

São Paulo

A produção de automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus no mercado brasileiro caiu 19,5% em setembro na comparação com agosto e recuou 42,1% ante o mesmo mês do ano passado, divulgou nesta terça-feira, 6, a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea). No nono mês do ano, foram produzidos 174.240 veículos no País. Com o resultado, a produção acumula queda de 20,1% no ano. Considerando apenas automóveis e comerciais leves, a produção em setembro chegou a 166.694 unidades, baixa de 20,8% em relação a agosto e recuo de 41,8% ante setembro de 2014. No mês passado, foram produzidos 146.699 automóveis e 19.995 comerciais leves. Com isso, a produção de autos e leves acumula queda de 18,6% no período de janeiro a setembro deste ano contra igual intervalo do ano passado. A produção de caminhões, por sua vez, avançou 14,5% em setembro na comparação com agosto e recuou 50,6% ante o mesmo mês do ano passado. Ao todo, a produção de caminhões atingiu 5.819 unidades no nono mês do ano. Com o resultado, a fabricação de pesados acumula queda de 47,2% em 2015 até setembro, ante igual período do ano passado. No caso dos ônibus, foram produzidas 1.727 unidades em setembro, alta de 54,2% na comparação com agosto e recuo de 37,9% ante setembro do ano passado. Com o desempenho de setembro, a fabricação de ônibus acumula queda de 33,1% em 2015 até agora ante igual período do ano passado. Vendas As vendas de automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus caíram 3,5% em setembro na comparação com agosto e 32,5% ante o mesmo mês do ano passado, segundo a Anfavea. No nono mês de 2015, foram emplacadas 200.077 unidades em todo o País. Com o resultado, os licenciamentos acumulam queda de 22,7% no período de janeiro a setembro ante igual período de 2014. Considerando somente automóveis e comerciais leves, foram emplacadas 192.845 unidades em setembro, o equivalente a recuos de 3,6% na comparação com agosto e de 31,8% ante um ano atrás. Em setembro de 2015, foram vendidos 166.358 automóveis e 26.487 comerciais leves. As vendas de caminhões, por sua vez, atingiram 5.929 unidades em setembro, alta de 2% na comparação com agosto e recuo de 47,1% ante setembro de 2014. Com o resultado, os emplacamentos de pesados acumulam queda de 43,9% no ano na comparação com o mesmo período do ano passado. No caso dos ônibus, foram vendidas 1.303 unidades no nono mês do ano, tombos de 2,3%na variação mensal e de 40,8% ante setembro do ano passado. Diante do desempenho de setembro, os licenciamentos de ônibus acumulam recuo de 31,2% no ano. Exportações As exportações em valores de autoveículos e máquinas agrícolas somaram US$ 834,042 milhões em setembro, alta de 0,7% na comparação com agosto, mas recuo de 9,7% ante o mesmo mês do ano passado. Com o resultado, as vendas externas em valores acumulam recuo de 10,8% em 2015 até setembro em relação a igual período do ano passado, ao totalizar US$ 7,956 bilhões. No nono mês deste ano, foram exportadas 33.502 unidades de automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus exportados, queda de 3,2% na comparação com agosto, mas alta de 28,7% ante o mesmo mês do ano passado. No ano, as exportações em unidades acumulam alta de 12,3% ante igual período de 2014. Os números em unidades não levam em conta as vendas externas de máquinas agrícolas. Máquinas Agrícolas A fabricação de máquinas agrícolas e rodoviárias atingiu 5.040 unidades em setembro, alta de apenas 0,1% na comparação com agosto, mas tombo de 30% ante o mesmo mês do ano passado. Com o resultado, a produção de máquinas acumula retração de 29,1% em 2015 até setembro em relação a igual período de 2014, ao totalizar 45.661 unidades. Já as vendas de máquinas agrícolas e rodoviárias no atacado somaram 3.948 unidades em setembro, baixa de 6,8% na comparação com agosto e retração de 40,5% ante mesmo mês do ano passado. Com isso, a fabricação de máquinas agrícolas acumula recuo de 29,8% nos primeiros nove meses do ano, na comparação com igual período de 2014, para 36.878 unidades vendidas. As exportações de máquinas agrícolas em valores, por sua vez, totalizaram US$ 152,578 milhões em setembro, alta de 11% na comparação com agosto, mas recuo de 25,1% ante igual mês do ano passado. Com o resultado, as vendas externas de máquinas agrícolas acumulam recuo de 39,1% neste ano até setembro, em relação a igual intervalo de tempo de 2014, ao somar US$ 1,318 bilhão. O total de máquinas agrícolas exportadas em setembro chegou a 893 unidades, equivalente a alta de 24% na comparação com agosto, porém a recuo de 35,3% ante o mesmo mês do ano passado. Com o resultado, as vendas externas acumulam queda de 26,2% nos primeiros nove meses de 2015 ante igual período de 2014, ao totalizar 7.808 unidades.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso