X
X

Diário da Região

03/03/2016 - 09h41min

Rio

Exportações crescem 6,1% em 2015 e investimentos caem 14,1%, informa IBGE

Rio

As exportações cresceram 6,1% em 2015 ante 2014. Os dados foram divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que anunciou nesta quinta-feira, 3, os resultados das Contas Nacionais Trimestrais. No quarto trimestre de 2015, as vendas externas caíram 0,4% contra o terceiro trimestre. Na comparação com o quarto trimestre de 2014, as exportações mostraram alta de 12,6%. As importações contabilizadas no PIB, por sua vez, caíram 14,3% em 2015 ante 2014. No quarto trimestre de 2015, esse indicador caiu 5,9% contra o terceiro trimestre. Na comparação com o quarto trimestre de 2014, as importações mostraram queda de 20,1%. A contabilidade das exportações e importações no PIB é diferente da realizada para a elaboração da balança comercial. No PIB, entram bens e serviços, e as variações porcentuais divulgadas dizem respeito ao volume. Já na balança comercial, entram somente bens, e o registro é feito em valores, com grande influência dos preços. Investimentos A Formação Bruta de Capital Fixo (FBCF) caiu 14,1% em 2015 ante 2014. No quarto trimestre de 2015, a FBCF caiu 4,9% contra o terceiro trimestre do ano. Na comparação com o quarto trimestre de 2014, a FBCF mostrou queda de 18,5%. Segundo o instituto, a taxa de investimento (FBCF/PIB) no dado fechado de 2015 ficou em 18,2%. A FBCF é a operação do Contas Nacionais que registra a ampliação da capacidade produtiva futura de uma economia por meio de investimentos correntes em ativos fixos, ou seja, bens produzidos factíveis de utilização repetida e contínua em outros processos produtivos por tempo superior a um ano sem, no entanto, serem efetivamente consumidos pelos mesmos. Indústria de transformação O PIB da indústria de transformação encolheu 9,7% em 2015 ante 2014. Já o PIB da construção caiu 7,6% no período. Em ambos os casos, trata-se do pior resultado da série atual do órgão, iniciada em 1996. A produção e distribuição de eletricidade, gás e água, por sua vez, cedeu 1,4% no ano passado ante 2014. No mesmo período, apenas a indústria extrativa mineral teve desempenho positivo, com alta de 4,9%. Taxa de poupança A taxa de poupança no ano de 2015 ficou em 14,4%, segundo o IBGE. Em 2014, essa taxa havia ficado em 16,2%. Já a taxa de investimento ficou em 18,2% em 2015, segundo o IBGE. Esse nível é menor do que o verificado em 2014, que foi uma taxa de 20,2%.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso