X
X

Diário da Região

13/01/2016 - 21h20min

Nova York

Bolsas dos EUA fecham em queda após aceleração de venda de ações

Nova York

As bolsas dos Estados Unidos fecharam em queda nesta quarta-feira, 13, após a aceleração de uma ampla venda de ações. O índice Dow Jones fechou em queda de 364,81 pontos (2,21%), em 16.151,41 pontos. O Nasdaq recuou 159,85 pontos (3,41%), em 4.526,07 pontos. O S&P-500 fechou em queda de 48,4 pontos (2,50%), em 1.890,28 pontos. As perdas da sessão de hoje vêm na sequência uma primeira semana difícil para o mercado acionário dos EUA. A Dow Jones recuou 7,3% até agora no ano, ante uma queda de 7,5% do S&P 500, com o aumento das preocupações da economia global e os preços do petróleo caindo ainda mais. Uma queda nas ações do setor de bens de consumo não essenciais, o que teve o melhor desempenho na ano passado, se espalhou em quase todo o mercado. Essas ações na S&P 500 recuaram 3,4%. A fabricante de peças de automóveis BorgWarner viu suas ações recuarem 9,5% e os papeis da Netflix recuaram 8,6%. Todos os setores da S&P tiveram perdas em 2015. O menor declínio foi no setor de serviços públicos, destacando o nível de nervosismo entre os investidores. Essas ações, que costumam pagar altos dividendos e são consideradas apostas mais defensivas, caíram 0,3% no ano. Alguns dos maiores ganhadores de 2015 recuaram na sessão de hoje. A Amazon.com recuou 5,8%. A Alphabet viu seus papéis recuarem 3,5% e o Facebook caiu 4%. O índice de biotecnologia da Nasdaq recuou 5,3% e acumula uma perda de 17% em 2016. As ações têm oscilado durante as sessões dos últimos duas, com a sensibilidade dos investidores às mudanças do preço do petróleo e as atualizações sobre o crescimento global. "Até que haja alguma coisa com que o investidor se sinta bem, eles ficarão um pouco reticentes em fazer grandes apostas", disse Gordon Charlopm da Rosenblatt Securities. Nos EUA, seis dos dez componentes setoriais do S&P-500 caíram, com destaque para os de energia (-70,4%), materiais (-24,4%). Na Europa, as bolsas fecharam majoritariamente em alta, apoiadas por dados melhores do que o esperado da balança comercial da China. O índice pan-europeu Stoxx 600 fechou em alta de 0,41%, aos 344,63 pontos. Nesta quarta-feira, os contratos de petróleo bruto para fevereiro fecharam a US$ 30,48 por barril, em alta de US$ 0,04 (0,13%), depois de terem chegado a cair 1,12%, para a mínima de US$ 30,10, na New York Mercantile Exchange (Nymex). Na ICE, os contratos do petróleo Brent para fevereiro, que vencem nesta quinta-feira após o fechamento, fecharam a US$ 30,31 por barril, em queda de US$ 0,55 (1,78%). Fonte: Dow Jones Newswires

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso