Diário da Região

16/05/2007 - 01h18min

Poluição

Inverno é propício para as doenças respiratórias

Poluição

O inverno começa no dia 21 de junho e todo cuidado é pouco para prevenir as doenças respiratórias, como gripe, asma, bronquite, rinite, sinusite, faringite, laringite, entre outras. Elas aparecem com maior incidência nessa época do ano, período em que chove menos, e a umidade relativa do ar é baixa, o que propicia poluição acentuada e início de processos alérgicos. Na época fria do ano, o sistema respiratório fica mais vulnerável por causa da exposição a agentes alérgicos, como o ácaro, por exemplo, acumulado nas roupas guardadas, de acordo com o otorrinolaringologista João Armando Padovani Júnior. A poluição agrava o problema, segundo o médico, pois a má qualidade do ar abre as portas do organismo para os vírus e as bactérias. Isso porque o excesso de microorganismos circulantes no ar poluído acaba enfraquecendo o sistema imunológico.

Somado a esses fatores, as pessoas passam mais tempo em locais fechados, com muita gente e pouca ventilação, o que torna mais fácil o contato com causadores das enfermidades.
As doenças respiratórias causadas pelo tempo seco e a poluição ocorrem em todas as faixas etárias, porém os extremos estão mais predispostos. As crianças, que justamente desenvolvem sua resistência na medida em que têm infecções e criam anticorpos, e os idosos, pela queda de imunidade que pode existir com a idade avançada e doenças concomitantes como diabetes, bronquite, enfisema e doenças neurológicas. Outras pessoas mais suscetíveis às doenças respiratórias são aquelas que sofrem de diabetes, insuficiência renal, que utilizam medicamentos que baixam a imunidade e portadores do vírus HIV.

Indivíduos com simples irritações das vias aéreas (nariz e boca secos, sensação de irritação na garganta) devem manter o organismo hidratado, ingerindo bastante líquidos, além de utilizar soro fisiológico nasal com freqüência e manter uma vasilha com água no quarto, caso o tempo esteja muito seco, segundo o pneumologista Roberto Stirbulov, presidente da Comissão de Asma da Sociedade Brasileira de Pneumologia. Para quem tem alergia, ele recomenda os mesmos cuidados e ainda o afastamento dos agentes que provocam a alergia como a poeira, pêlos de animais, cheiros irritantes e bolor. Existem 14 tipos diferentes de doenças respiratórias. Cada uma delas tem sintomas específicos, que só o médico pode avaliar. Contudo, tosse, rouquidão, nariz entupido, dores no peito, garganta irritada, dificuldade em respirar são sinais de algum tipo de enfermidade.

Tratamento
Atualmente há vacinas para gripe e algumas infecções respiratórias bacterianas (pneumocócica e outras) que estão indicadas em alguns grupos, dependendo da idade e doenças concomitantes. As alergias também têm tratamento preventivo, seja através de cuidados ambientais, vacinas ou medicamentos.

DICAS:


:: Evite aglomerações e ambientes poluídos
:: Motive fumantes a abandonar o vício
:: Vacine-se contra gripe
:: Lave as mãos freqüentemente
:: Aumente o consumo de alimentos ricos em VitaminaC
:: Ingira muito líquido, principalmente água
:: Reforce a limpeza doméstica, combatendo a poeira e mofo
:: Evite o uso de substâncias irritantes
:: Tenha sempre um agasalho em mãos

Poluição é agente que agrava o problema
Nos dias frios, há naturalmente uma baixa umidade do ar, o tempo fica mais seco. Com isso, ocorre uma menor dispersão das partículas e gases. A poluição acaba ficando suspensa por mais tempo, sem se dissipar como acontece quando chove. Quando inaladas, as partículas maiores dos gases poluentes ficam retidas nas vias aéreas superiores. Mas as pequenas entram no organismo e desencadeiam inflamações nos pulmões. Em quem é mais suscetível, pioram as crises de rinite alérgica, asma, faringite e bronquite. Mas, mesmo quem não tem nenhuma doença respiratória, pode começar a desenvolver ao longo do tempo, de acordo com o pneumologista Roberto Stirbulo

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso