IMG-LOGO
Home MaraPita

A importância da saúde mental no trabalho

Núcleo Digital - 04/07/2020 00:00

Segundo a OMS, o Brasil é o segundo país mais depressivo da América Latina, e é o país mais ansioso do mundo: 18,6 milhões de brasileiros sofrem de ansiedade (9,3% da população). Pesquisa do ISMA (International Stress Management Association) de 2019, 72% dos brasileiros que estão no mercado de trabalho sofrem alguma sequela causada pelo estresse. Desse número, 32% sofrem de burnout (esgotamento) e continuam trabalhando por medo de serem despedidos.

A mesma pesquisa também revelou que 9 em cada 10 brasileiros no mercado de trabalho apresentam sintomas de ansiedade, e 47% deles sofrem depressão em algum nível. Os prejuízos para as empresas que não tem uma política de cuidado em saúde mental para seus colaboradores envolvem: a Sinistralidade; o Turnover e o Absenteísmo. Até mesmo com casos de Desengajamento e Presenteísmo, pois segundo o ISMA, no Brasil, 74% das pessoas não estão engajadas no trabalho porque não estão felizes. Estresse, ansiedade, insônia, excesso de irritabilidade, diminuição da autoconfiança, confusão mental, sensação de incapacidade e esgotamento, entre outras.

Você já teve alguma destas sensações no trabalho? A psicoterapia é uma alternativa para equilibrar a saúde e para que as pessoas possam agir em prol do seu bem-estar.

  

Por Mara Pita

Psicóloga

CRP: 04/35.171

Editorias:
MaraPita
Compartilhe: