Entre ladeiras e muita história

BRASIL

Entre ladeiras e muita história

Visite virtualmente Ouro Preto, cidade que será sede do Seminário Internacional sobre Patrimônio e Turismo no Mercosul em 2021


O Santuário Nossa Senhora da Conceição de Antônio Dias é uma das igrejas mais importantes de Ouro Preto, com interior típico da arquitetura da primeira metade do século XVIII
O Santuário Nossa Senhora da Conceição de Antônio Dias é uma das igrejas mais importantes de Ouro Preto, com interior típico da arquitetura da primeira metade do século XVIII - Fotos: Pedro Vilela/MTur

As ladeiras de Ouro Preto, um dos destinos turísticos mais visitados em Minas gerias, estão vazias. As igrejas, com esculturas importantes como a do mestre Aleijadinho, estão fechadas. O Museu da Inconfidência, o segundo mais visitado do Brasil e maior símbolo da Inconfidência Mineira, fechou as portas por tempo indeterminado. A cidade, patrimônio mundial da humanidade, que recebe em média 500 mil turistas por ano, foi afetada pela pandemia da Covid-19.

Com o isolamento social e fechamento de fronteiras, para evitar a propagação do coronavírus, o fluxo de turistas diminuiu consideravelmente, forçando a suspensão de atividades em hotéis, o cancelamento de pacotes turísticos e de serviços ligados ao setor. Neste cenário negativo e de tantas incertezas, a cidade recebeu, no entanto, uma boa notícia. O município será sede de um evento internacional sobre patrimônio e turismo.

A terceira edição do Seminário Internacional sobre Patrimônio e Turismo no Mercosul (Sempat) está prevista para o segundo semestre de 2021. Ouro Preto, com seu traçado marcante e sua importância histórica, foi escolhida para sediar o evento, que tem o objetivo de debater soluções para a preservação dos sítios culturais e o fomento ao turismo no pós-pandemia.

De acordo com o Ministério do Turismo, Ouro Preto é uma das primeiras cidades tombadas pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), em 1938, e o primeiro município brasileiro a receber o título de Patrimônio Mundial da Unesco, em 1981. E, com toda essa bagagem histórica, receberá a edição do evento que discutirá o Patrimônio Cultural em sua intersecção com a economia e o desenvolvimento sustentável, colocando a preservação do patrimônio no centro desse debate.

Virtual

Como as viagens ainda não estão liberadas por causa do novo coronavírus, os passeios virtuais são uma ótima opção para quem está com saudade de arrumar as malas ou está em busca de inspiração para a próxima viagem quando tudo voltar ao normal. Ouro Preto, por exemplo, pode ser visitada pela internet.

O site GoPasseios, que reuniu materiais de várias plataformas (Google Arts & Culture, AirPano, EraVirtual, Ceara360, entre outros) em um só lugar, conta com uma seção especial sobre Ouro Preto. Ao buscar a cidade mineira no portal www.gopasseios.com.br, o internauta é direcionado ao site Era Virtual, que mostra detalhes da cidade que oferece um cardápio de histórias e um conjunto arquitetônico impactante. A visita abrange as paróquias de Nossa Senhora do Pilar, de Nossa Senhora da Conceição e de Santa Efigênia.

O site Eravirtual (www.eravirtual.org), que tem como objetivo ampliar o alcance sociocultural de exposições a partir da modernização da linguagem e democratização do acesso, realiza visitas virtuais orientadas. Ao clicar, por exemplo, na seção "Rua Direita", o internauta ouve áudios educativos sobre o lugar que serviu de moradia para barões e baronesas no passado.

É possível fazer uma visita guiada e conhecer o acervo exposto pelo Museu da Inconfidência, instituição que foi inaugurada em 1944 e apresenta um testemunhos da vida sociocultural mineira dos século XVIII e XIX, expondo peças de distintas tipologias e, principalmente, obras primas de Aleijadinho, Mestre Athaíde, Vieira Servas, João Nepomuceno, Pallière e tantos outro artistas e artífices do período colonial.

Atrativos

Localizada a cerca de 970 quilômetros de Rio Preto, a cidade de Ouro Preto é considerada uma das maiores riquezas de Minas Gerais. Com uma completa infraestrutura para receber os turistas, com hotéis, pousadas, locadora de veículos, agências bancárias e hospitais, a cidade atrai turistas por sua importância histórica e pela sua natureza, com diversas cachoeiras, mirantes, trilhas e rios. Conhecida pelas ladeiras e calçamentos da época, a cidade é recheadas por esculturas e igrejas, pequenas sacadas. No local ainda é possível fazer passeio de Maria Fumaça.