República Dominicana será reaberta para o turismo

CARIBE

República Dominicana será reaberta para o turismo

Ministério de Turismo afirma que o país, com todas as medidas de segurança, está pronto para receber turistas, depois da crise provocada pela pandemia da Covid-19


A alta temporada, que acontece entre dezembro e fevereiro, reúne várias atividades ao ar livre
A alta temporada, que acontece entre dezembro e fevereiro, reúne várias atividades ao ar livre -

A República Dominicana, um paraíso em termos de resorts, com muita estrutura para todos os públicos, praias de areia branca e mar com águas azul turquesa cristalinas, entre outras atrações turísticas, como vida noturna animada, esportes ao ar livre e muita história, anunciou que reabrirá suas fronteiras para turistas internacionais no dia 1º de julho. O anúncio foi feito pelo Ministério de Turismo da República Dominicana (Mitur).

Com mais de 1,5 mil quilômetros de costa, que oferece uma ampla variedade de praias para satisfazer todos os gostos, o destino, em julho, vai entrar na fase 4 do processo de remoção das medidas anunciadas pela Comissão de Alto Nível para Prevenção e Controle de Coronavírus, que contempla a aplicação de protocolos especiais de salubridade, executados para ampliar as precauções sanitárias e prevenir novos contágios.

O país, que tem temperaturas altas o ano inteiro, ampla oferta de complexos hoteleiros, serviços turísticos e atividades recreativas, como campos de golfe, é um dos países mais visitado do Caribe, por ser um destino mais barato da região. O país ocupa dois terços no leste da Ilha de Hispaniola, nas Grandes Antilhas, e tem o Haiti como vizinho. Punta Cana, cidade localizada na costa leste da República Dominicana, é um dos locais mais visitados por brasileiros.

O segundo maior país do Caribe, a partir de 1º de julho, vai receber os viajantes de maneira responsável e acatando a todas as recomendações dos órgãos nacionais e internacionais sobre higiene, sanitização e distanciamento social, segundo Francisco Javier García, ministro do turismo. "Desde o momento do desembarque dos turistas em nosso país, as medidas implementadas irão garantir uma experiência segura e prazerosa para que possam desfrutar dos atrativos que fazem da República Dominicana o principal destino do Caribe".

A maioria dos hotéis irão operar com normalidade, a partir da data de reabertura e diferentes entidades governamentais têm trabalhado em conjunto com as empresas privadas para desenvolver medidas rigorosas de segurança e higiene que garantam a saúde de residentes e turistas.

O órgão também anunciou que os protocolos de segurança da indústria turística já estão prontos, aprovados por entidades públicas correspondentes, e possuem características similares àquelas estabelecidas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para atestar que o setor dominicano continue sendo uma referência de segurança sanitária na região.

O turismo retorna na mesma semana que as eleições presidenciais e parlamentares na República Dominicana serão realizadas. Inicialmente previstas para 17 de maio, elas foram adiadas para 5 de julho, devido à pandemia do novo coronavírus. Serão escolhidos: presidente, vice-presidente, 32 senadores, 190 deputados e 20 assentos no Parlamento do país centro-americano.

A República Dominicana é um destino reconhecido pela rica cultura, conforto e pelo clima quente durante todo o ano. Facilmente acessível em voos diretos da maioria dos principais aeroportos, o país agrada celebridades, casais e famílias. De trilhas para praias desconhecidas e campos de golfe de classe mundial, no país caribenho é possível se sentir renovado nas luxuosas e diversas acomodações, explorando relíquias antigas de séculos passados, desfrutando da comida típica e de aventuras de ecoturismo nos magníficos parques nacionais, além de montanhas e rios

Rodeada pelo mar do Caribe ao sul e pelo Oceano Atlântico ao norte, a República Dominicana oferece uma variedade de esportes, atividades de lazer e entretenimento, além de experiências culturais únicas, como a dança, festas de carnaval e outras especialidades dominicanas, como charutos, rum, chocolate, café, âmbar e larimar (pedra rara e exclusiva do país)

Entre a aventureira Puerto Plata, a exuberante Samaná, a histórica Santo Domingo, a ensolarada Punta Cana, a luxuoso La Romana e a alegre Barahona, há um país
em que cada região tem muito a oferecer para qualquer viajante e orçamento

Além das experiências inexploradas de costa a costa, o país também tem uma reputação mundial por seu povo caloroso e hospitaleiro. O país tem oito aeroportos internacionais e nove zonas ecológicas diferentes. Informações: www.godominicanrepublic.com/pt-br/