SÃO JOSÉ DO RIO PRETO | SEGUNDA-FEIRA, 26 DE JULHO DE 2021
SAÚDE E BELEZA

Muita hidratação

O outono, que é a época mais seca do ano, exige mais cuidados com a pele

Francine MorenoPublicado em 10/04/2021 às 22:30Atualizado há 06/06/2021 às 09:07

Os rituais de cuidados preventivos, sem exagero de produtos, mas com disciplina, deve começar cedo. Dermatologistas revelam que é importante ainda tomar sol com moderação e filtro solar, usar sabonete adequado para a higiene, fazer hidratação com produtos corretos e dormir bem. Para melhorar o viço da pele é preciso ainda seguir recomendações de especialistas de acordo com a idade.

Por causa da pandemia, muitas pessoas têm deixado de lado os cuidados com a pele do rosto. Com a chegada do outono, muitos especialistas alertam sobre a importância de tratar da pele durante os dias com temperaturas mais baixas e com baixa umidade. Aline Caniçais, fisioterapeuta dermatofuncional da HTM Eletrônic, afirma que o cuidado deve começar em casa. Uma primeira dica é conhecer e escolher o cosmético ideal para o seu tipo de pele, assim o tratamento adequado irá ajudar também a potencializar os resultados, mediante as características da pele. "Quando a escolha do produto é errada, os ativos trabalharão de forma contrária ao que a pele necessita, promovendo respostas inadequadas."

Banhos quentes e demorados durante o outono podem acabar retirando o manto hidrolipídico da pele, que é um hidratante produzido pelo próprio corpo que atua como uma camada protetora, e causar um ressecamento ainda maior. "Além disso, geralmente com a temperatura mais baixa as pessoas tendem a não sentir tanta sede, mas com o tempo seco, a hidratação se torna ainda mais necessária. Outra dica de beleza para manter o corpo e a pele hidratados é beber bastante água, ou seja, hidratar de dentro pra fora", afirma Aline.

Mesmo nas épocas mais amenas do ano é fundamental o uso de protetor solar para colaborar com os cuidados com a pele. "A radiação ultravioleta, também no outono, provoca danos que comprometem a estrutura de sustentação da pele, causando o aparecimento precoce de rugas e flacidez, além das manchas. A orientação continua a ser a de reaplicar o protetor de quatro em quatro horas em ambientes fechados e de duas em duas horas em fotoexposição direta, exceto nos momentos de exposição para sintetizar vitamina D, essencial à saúde e à beleza", explica Aline.

A higienização da pele deve ser sempre seguida da hidratação para repor a umidade retirada durante o processo e reestabelecer a barreira cutânea. "O ideal é que essa etapa seja feita com produtos específicos para seu tipo de pele. Por exemplo, no caso de peles secas, a hidratação deve ser realizada com produtos formulados com veículos mais pesados, como cremes e loções, enquanto quem tem pele oleosa deve apostar em veículos mais leves, incluindo séruns e géis", afirma a dermatologista Roberta Padovan. Os produtos utilizados podem ser formulados com uma série de ativos para atender às necessidades de cada pele, como substâncias calmantes, antiinflamatórias, clareadoras, rejuvenescedores e, principalmente, antioxidantes.

A vitamina C é um excelente ingrediente para incluir em sua rotina. "Além de possuir ação reparadora por ser um poderoso antioxidante, o ativo ainda é capaz de fortalecer a barreira da pele, amenizar rugas e linhas de expressão, visto que estimula a síntese de colágeno, e uniformizar o tecido cutâneo, clareando e prevenindo mancha", afirma Roberta.

Dicas

Mesmo com dias mais frios, a incidência de radiação ultravioleta ainda é muito alta, por isso o filtro solar não deve ser esquecido. Faça chuva, faça sol, não dá pra sair de casa sem ele - e lembrar de repassá-lo a cada 2 horas Não tome banhos quentes muito demorados. Prefira a água morna ou fria e não estenda o banho por mais de 10 minutos para evitar o ressecamento da pele Utilize hidratantes corporais logo após o banho e com a pele ainda úmida; isso vai potencializar o poder do cosmético. Para peles mais ressecadas, prefira cremes e pomadas com ingredientes que favoreçam a hidratação profunda Dispense as buchas, pois elas causam uma limpeza agressiva e retiram mais ainda os fatores de hidratação da pele. Procure usar sabonetes neutros/suaves, tanto para o corpo quanto para o rosto, que não retirem a oleosidade natural da pele Use protetor labial Tenha uma alimentação saudável Cada paciente possui um tipo de pele e que os tratamentos variam de pessoa pra pessoa. Cada caso é um caso. Por isso, é importante consultar o seu dermatologista para saber mais detalhes de como cuidar da sua pele especificamente, não só durante o outono, como durante o resto do ano

Fonte: Victor Fernandes, dermatologista da Unique Dermatologia

 
Copyright © - 2021 - Grupo Diário da Região.É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Desenvolvido por
Distribuido por