SIRVA-SE

Estabelecimentos inovam nos nomes e ingredientes dos lanches

Estabelecimentos de Rio Preto apostam no delivery para entregar lanches que trazem ingredientes saborosos e suculentos, como hambúrguer de shitake e molho de geleia de pimentão


O Teixeirão, do Zé Capivara, é feito com pão australiano, hambúrguer de carne bovina, cheddar, cebola caramelizada e farofa de bacon
O Teixeirão, do Zé Capivara, é feito com pão australiano, hambúrguer de carne bovina, cheddar, cebola caramelizada e farofa de bacon - Fotos: Divulgação

O hambúrguer e o hot dog deixaram de ser classificados como comida simples e conquistaram à alta gastronomia. Com o passar do tempo, os lanches evoluíram e ganharam ingredientes requintados. Com esta transformação, os pratos têm atraídos a atenção de chefs de cozinha, que usam toda a sua criatividade para desenvolver novos sabores com recheios ousados, molhos saborosos e acompanhamentos caprichados. O resultado destas experiências podem ser conferido nos cardápios de estabelecimentos em Rio Preto.

Um deles é o Zé Capivara Lanchonete Bar, local que foi aberto, no bairro Vila Aurora, durante a pandemia do coronavírus. O empresário Cacaco Cunha, que ficou com o seu antigo bar fechado durante um mês como medida para conter o avanço da contaminação do novo coronavírus, decidiu se reinventar e lançou um delivery de lanches. Para se diferenciar das hamburguerias da cidade, ele criou um cardápio que reúne hambúrgueres gourmet artesanais com nomes de locais de Rio Preto, como Calçadão, clube Palestra, Cidade das Crianças, Zeus e Teixeirão, e ingredientes caprichados.

O lanche Curva da Galinha, por exemplo, é feito com pão de brioche, frango empanado, cheddar, agrião e geleia de pimentão. Para criar as combinações, Cacaco fez ligações do nome do local com os ingredientes. Além do recheio com frango, o sanduíche é acompanhado por uma maionese de milho. Já o Palácio das Águas, cujo local fica ao lado da Represa, é feito com peixe e maionese de picles, que harmoniza muito bem com a tilápia.

Já o Ovelha Negra é um lanche árabe, que faz uma homenagem à comunidade e ao antigo restaurante de comida árabe/libanesa da cidade. O lanche traz pimenta síria no hambúrguer, pão de batata, molho de iogurte com pepino e hortelã, cebola roxa e alface. Para fazer os sanduíches que homenageiam os clubes da cidade, como Palestra e Monte Líbano, Cacaco Cunha usou hambúrguer de pernil, que é uma receita do pai do empresário e traz ervas frescas, como alecrim, erva doce e orégano.

O estabelecimento de Cacaco Cunha também conta com um lanche sem alimentos de origem animal. Trata-se do Matinha, que é feito com pão de batata, shitake empanhado no panco, tofu grelhado, cebola roxa, rúcula e maionese de leite de soja com manjericão. "Todos os lanches são feitos com ingredientes frescos, que os deixam ainda mais saborosos", afirma.

Quem também aposta na receita sem carne é o chef de cozinha Thaynnã, da conveniência do BR Mania JK. No local, o cliente pode se deliciar com o hambúrguer de shimeji, que é composto por um hambúrguer que combina shimeji branco ou cinza refogado com azeite. Ele é coberto por queijo gorgonzola, cebola roxa, rúcula e tomate cereja.

Quem reabriu um antigo projeto foi o cozinheiro, charuteiro e assador Alexandre Villela Carvalho, o Badaró, do Empório Nhô. Com o cancelamento dos eventos gastronômicos por causa da pandemia, ele decidiu resgatar o Badog, que havia lançado com um sócio um tempo atrás. O cozinheiro, para se diferenciar, inovou e também deu nomes de cachorros para os hots dogs. O Bulldog, por exemplo, é feito com salsichas, carne moída, purê de batata, molho de queijo, picles de cebola roxa, catchup, maionese, mostarda e batata palha.

Quem está em casa em isolamento social por causa do coronavírus pode pedir o lanche Choripan, que é feito com linguiça artesanal, queijo e chimichurri, ou o sanduba de fraldinha, que é farto em carne. O sanduíche é feito com 180 gramas de fraldinha com queijo prato e chimichurri. O cardápio conta ainda com o Burger Defumado, que é preparado por um hambúrguer de peito de bbqsecrets (linha de cortes especiais de bovinos) defumado, queijo e tomate assado.

Badaró afirma que, para se diferenciar, ele prepara, por exemplo, um molho de frango com laranja, que tem um cozimento que dura dois dias, além do molho de tomate natural com especiarias. O molho chimichurri, à base de ervas, também é preparado por ele, assim como a linguiça artesanal aberta que é usada no lanche Choripan.

Uma lanchonete que tem conquistado o coração dos rio-pretenses é o Siri Cascudo Bagueteria, que também aposta no delivery e foi aberto durante a pandemia. O nome é uma homenagem ao restaurante do Seu Sirigueijo, que fica na Fenda do Biquíni, cidade subaquática do desenho Bob Esponja. O cardápio reúne baguetes com nomes dos personagens da animação, que inclui Sandy, Sirigueijo, Patrick, Plankton, Lula Molusco, Bob Esponja e Garry. O Patrick, por exemplo, é feito com cuiabana bovina, mussarela, vinagrete e maionese artesanal.

Inspirados em tantos sabores, confira algumas receitas para testar em casa.

 

Divulgação

Ingredientes

  • 400 gramas de shimeji branco ou cinza refogado no azeite no shoyu
  • 50 gramas de farinha de pão integral
  • Sal e pimenta do reino à gosto

Modo de preparo

Depois de resfriado, bata o shimeji no processador e adicione a farinha de pão integral. Não bata os ingredientes por muito tempo, deixe a mistura mais rústica e grosseira para dar textura ao hambúrguer. Tempere com sal e pimenta do reino à gosto. Modele três hambúrgueres de 120 gramas. Na chapa ou frigideira antiaderente, acrescente um fiu de azeite para tostar o hambúrguer dos dois lados, sem demorar muito para não ressecar.

Montagem

O pão é recheado com o hambúrguer de shimeji, gorgonzola, cebola roxa, rúcula e tomate cereja.

Fonte: Chef Thaynnã, da conveniência do BR Mania JK

 

Ingredientes

  • 5 cebolas picadas
  • 1/3 de xícara de óleo de amendoim
  • 5 pimentas jalapeño, sem sementes e picadas
  • 2 pimentas verdes, sem sementes e picadas
  • 25 tomates verdes, cortados em quatro
  • 2 colheres (sopa) de gengibre em pó
  • 1 colher (chá) de mostarda seca
  • 1/2 colher (chá) de canela em pó
  • 3 e 1/2 colheres (sopa) de sal
  • 1 e 1/4 de xícara de vinagre de maçã
  • 680g de açúcar mascavo

Modo de preparo

Caramelize, num caldeirão, as cebolas no óleo de amendoim. Adicione os vegetais e os temperos. Dissolva, separadamente, o açúcar mascavo no vinagre. Reserve. Cubra a panela e deixe a mistura ferver por duas horas, mexendo de vez em quando. No final do cozimento, acrescente a mistura de vinagre com açúcar e desligue o fogo. Triture tudo até obter um molho espesso, mas com pedacinhos.

Fonte: Alexandre Villela Carvalho, do Badog

 

Ingredientes

  • 2 copinhos de iogurte
  • 60 ml de azeite
  • 1 dente de alho batido
  • 1 pepino japonês ralado sem casca
  • 3 colheres de hortelã picada
  • 1 colher de salsinha picada
  • 1 limão
  • Pitada de pimenta síria
  • Pitada de Pimenta do reino
  • Raspas de limão
  • Sal

Modo de preparo

Descasque o pepino e rale bem fino, coloque sal e limão, misture e deixe drenar numa peneira por 30 minutos. Esprema até sair toda água, depois junte o alho, hortelã, salsa, iogurte, pimentas, azeite e misture bem, adicione mais sal à gosto.

Fonte: Cacaco Cunha, do Zé Capivara Lanchonete Bar