Novo presidente do STF, Luiz Fux testa positivo
Ministro Luiz Fux assumiu a presidência do Supremo
Ministro Luiz Fux assumiu a presidência do Supremo - Marcelo Camargo/Agência Brasil

O ministro Luiz Fux, que tomou posse como presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) na semana passada, testou positivo para Covid-19. A informação foi divulgada pela assessoria da Corte.

O ministro buscou atendimento médico no Rio de Janeiro após apresentar aumento de temperatura corporal nesta segunda-feira, 14, e foi diagnosticado com o novo coronavírus.

"A suspeita é de que possa ter contraído o novo coronavírus em almoço de confraternização familiar no último sábado", diz o serviço de comunicação do STF.

Segundo informou o Tribunal, Fux ministro seguirá os protocolos de saúde e ficará em isolamento pelos próximos 10 dias. Em princípio, o ministro continuará trabalhando e pretende conduzir sua sessão primeira ordinária no Plenário, marcada para a próxima quarta-feira, 16. O STF tem realizado julgamentos por videoconferência desde o início da pandemia.

Fux é o primeiro integrante do Tribunal a contrair a doença. "O presidente buscou serviço médico no Rio de Janeiro nesta segunda-feira, 14 ao apresentar aumento de temperatura corporal. A suspeita é de que possa ter contraído o novo coronavírus em almoço de confraternização familiar no último sábado, 12. O ministro seguirá os protocolos de saúde e ficará em isolamento pelos próximos 10 dias. O presidente Luiz Fux passa bem e pretende conduzir a sessão ordinária do Plenário nesta quarta-feira, 16", consta em nota.