Diário da Região

07/02/2016 - 00h00min

Alimentação

Moringa, o superalimento

Alimentação

Divulgação NULL
NULL

Existe uma planta que talvez você ainda não conheça, mas que traz uma série de benefícios à saúde. O nome dela tem sido reproduzido à exaustão nas últimas semanas depois de ter sido apontada como responsável por manter vivo o presidente de Cuba, Fidel Castro. Considerada eficaz para o tratamento de muitos males, da malária a dores de estômago, a moringa é um alimento com alto valor nutritivo e uma excelente composição de proteínas, vitaminas e sais minerais.

Moringa oleífera, morangue, acácia-branca. São vários os nomes para a planta, originária da Índia. O chá feito com suas folhas secas tem uma poderosa ação anti-inflamatória no organismo. Ela é uma planta muito encontrada em lojas de produtos naturais nos Estados Unidos, e tem entrado aos poucos no mercado de produtos naturais brasileiros. Rica em potássio, cálcio e ferro, a moringa pode ser o alimento ideal para a preparação e recuperação de uma prova de alto rendimento, como triatlo, por exemplo.

"A quantidade de aminoácidos que a moringa contém mostra que é uma excelente fonte de proteínas para quem está excluindo a proteína animal da alimentação", explica a nutricionista Sandra Reis. Conhecida como superalimento, a moringa, além de anti-inflamatória, é fonte proteica e antioxidante. E por ter propriedades diuréticas, estimula a circulação, aumenta a imunidade e ajuda no desenvolvimento muscular. Por isso, é indicada tanto na preparação de provas de resistência, fornecendo nutrientes essenciais para o corpo, quanto na recuperação muscular. Ela combate os radicais livres, que favorecem o envelhecimento e o aparecimento de lesões em atletas devido ao processo oxidativo.

A moringa pode ser encontrada em sua forma original ou em produtos naturais, em cápsulas e em pó, podendo ser adicionada a shakes, smoothies e sucos verdes. "É conhecida há vários séculos por conter nessa única espécie as mais altas concentrações de nutrientes, vitaminas, minerais, aminoácidos, betacaroteno, vários compostos fenólicos, fibras e clorofila, em comparação a todas as demais plantas existentes no planeta", diz Alexsandro Ricci, que há um ano administra uma loja on-line para venda do produto em forma de folhas desidratadas e o pó da folha. A produção da planta é feita em uma propriedade rural em Serra Azul, município do estado de São Paulo.

 

planta_Moringa 2

Unesp pesquisa proteína da planta

As sementes da moringa, utilizadas para tratar problemas circulatórios, são ricas em uma proteína floculante que, além de ter propriedades antifúngicas e antibactericida, tem sido alvo de estudos na produção industrial de açúcar, por poder clarificar o caldo da cana em uma das etapas do processo de obtenção da sacarose. Sua utilização pode substituir uma das etapas industriais, que consiste em remover impurezas adicionando-se produtos nocivos que possuem ação neurotóxica e carcinogênica, como por exemplo polieletrólitos à base de acrilamida. 

O grupo de pesquisa do laboratório de bioquímica (Departamento de Física) da Unesp de Rio Preto, liderado pelo professor Raghuvir Krishnaswamy Arni, foi a primeira equipe a determinar a estrutura tridimensional desta proteína, o que significa que agora se conhece a posição espacial de cada átomo desta proteína, algo muito mais preciso do que o mais potente dos microscópios poderia fornecer. "Possuímos, agora, uma ferramenta poderosa para auxiliar no entendimento do mecanismo de ação desta proteína, tanto na medicina como na indústria", explica o biólogo da Unesp Ricardo Barros Mariutti, doutor em microbiologia. 

Propriedades medicinais:

  • Baixa os níveis de glicose
  • Reduz o colesterol
  • Reduz a pressão arterial elevada
  • Melhora as articulações devido ao seu efeito anti-inflamatório
  • Combate a asma
  • Combate a anemia pelo seu alto teor em ferro
  • Fortalece o sistema imunológico, elevando as defesas naturais do corpo
  • Fortalece os músculos e ossos
  • Melhora certas funções mentais, como memória e capacidade de aprendizagem
  • Estimula o crescimento do cabelo
  • Protege o fígado e os rins
  • Proporciona energia
  • Embeleza e regenera a pele

Alerta

É preciso evitar o consumo exagerado da moringa, pois a planta pode provocar problemas gastrointestinais. É recomendado ingerir 100 gramas por dia da folha da moringa. Melhor ainda é procurar um nutricionista para que ele passe uma dieta alimentar mais adequada ao seu organismo. Além disso, não é aconselhável o consumo por grávidas, pois pode causar abortos espontâneos

Sugestão de uso:

Chá

Em água quente, na porção de uma xícara de chá (250 ml), adicione uma colher de café (1 a 2 gramas) de pó de moringa oleífera. Aguarde de 4 a 6 minutos de infusão do pó até alcançar cor e/ou sabor desejado. Coe e sirva ao natural e/ou adoce com produtos naturais
 
Detox plus

Acrescente 1 colher de sopa rasa (5 a 6 gramas) do pó de moringa oleífera no copo no preparo de vitaminados (shakes), verduras, legumes, salada de frutas, entre outras

Onde comprar pela internet:

Cápsulas

Site: fundacaommh.lojaintegrada.com.br/produtos-naturais
R$ 69,99 (60 cápsulas)
 
Folhas desidratadas

Site - www.moringaoleifera.agr.br
R$ 15 (100 gramas)
R$ 90 (500 gramas)

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso