Hamilton decepcionado com fala de Andretti

militância questionada

Hamilton decepcionado com fala de Andretti


O piloto inglês Lewis Hamilton, hexacampeão mundial de Fórmula 1 e ativista de causas sociais, disse estar "decepcionado" com o posicionamento da lenda da categoria Mario Andretti. Isso porque o ex-piloto italiano naturalizado americano, vencedor da temporada de 1978 e hoje com 80 anos, minimizou os problemas de diversidade da categoria.

"Eu respeito muito Lewis, mas por que se tornar um militante? Ele sempre foi aceito e conquistou o respeito de todo o mundo. Acho que o objetivo disso é pretensioso... ele está criando um problema que não existe. Pintando seu carro de preto, eu não sei o que ele fará. Eu conheci pilotos de diferentes origens, corridas e sempre os recebi de braços abertos. No automobilismo, independentemente da cor, você tem que ganhar seu lugar com resultados e isso é o mesmo para todos", disse ao jornal chileno El Mercurio.

Hamilton afirmou que este é um problema de geração. "Isso é decepcionante, mas infelizmente é uma realidade que algumas das gerações mais velhas, que ainda hoje têm voz, não conseguem sair do seu próprio mundo para reconhecer que há um problema... isso é pura ignorância, mas isso não vai me impedir de continuar lutando por mudança", disse.