Berlim e Nova York anunciam cancelamento

MARATONAS

Berlim e Nova York anunciam cancelamento


Poucas horas após o anúncio do cancelamento da Maratona de Nova York, a organização da Maratona de Berlim seguiu pelo mesmo caminho e anunciou que neste ano não haverá corrida num dos palcos mais famosos do atletismo mundial. Os últimos sete recordes mundiais da tradicional prova foram batidos na capital alemã. De acordo com a organização, a decisão de cancelar o grande evento foi tomada "após longa avaliação e diversas discussões".

A prova estava agendada para 27 de setembro. E os organizadores avaliaram que seria cedo demais para provocar aglomerações em solo alemão. Ao mesmo tempo, não encontraram nova data disponível para a realização da corrida.

A organização da Maratona de Nova York, considerada a principal do mundo, também anunciou seu cancelamento por conta da pandemia do novo coronavírus. A realização da prova estava agendada para o dia 1º de novembro, mas os organizadores e a prefeitura da cidade norte-americana chegaram à conclusão que não há condições para que ela seja realizada. O cancelamento se deve a "preocupações sobre saúde e segurança relacionadas ao coronavírus".