SÃO JOSÉ DO RIO PRETO | SÁBADO, 22 DE JANEIRO DE 2022
COLUNA DO DIÁRIO

PSDB tem baixa adesão de filiados em Rio Preto para decidir o candidato à Presidência da República

Dos cerca de dois mil filiados em Rio Preto, só 75 se inscrevem para a prévia do PSDB

Vinícius Marques
Publicado em 17/11/2021 às 00:18Atualizado em 17/11/2021 às 08:25
Presidente do PSDB de Rio Preto, Manoel de Jesus Gonçalves, afirma que a meta de adesão para a prévia na cidade era maior (Arquivo/Diário)

Presidente do PSDB de Rio Preto, Manoel de Jesus Gonçalves, afirma que a meta de adesão para a prévia na cidade era maior (Arquivo/Diário)

Seção exclusiva para assinantes. Assine para ter acesso ilimitado.

Já sou cadastrado.

Quero ter acesso ilimitado.

COLUNA DO DIÁRIO

PSDB tem baixa adesão de filiados em Rio Preto para decidir o candidato à Presidência da República

Dos cerca de dois mil filiados em Rio Preto, só 75 se inscrevem para a prévia do PSDB

Vinícius Marques
Publicado em 17/11/2021 às 00:18Atualizado em 17/11/2021 às 08:25

Presidente do PSDB de Rio Preto, Manoel de Jesus Gonçalves, afirma que a meta de adesão para a prévia na cidade era maior (Arquivo/Diário)

A acirrada disputa interna no PSDB para definir quem será o candidato à Presidência da República pelo partido em 2022 registrou uma baixíssima adesão de filiados em Rio Preto. As inscrições para as prévias terminaram domingo, 14. No município, 75 filiados baixaram o aplicativo para participar da decisão via celular. Adesão baixíssima em comparação aos 2 mil filiados do PSDB somente em Rio Preto.

Disputam a prévia o governador de São Paulo, João Doria, o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, e o ex-prefeito de Manaus Arthur Virgílio. A disputa está marcada para o próximo domingo, 21.

“Tínhamos uma meta de 100 inscrições”, disse o presidente do PSDB no município, Manoel de Jesus Gonçalves, que apoia Doria. Um dos motivos, segundo ele, foi que cem filiados recentes não puderam se cadastrar. Era preciso estar filiado ao partido até o dia 31 de maio para poder votar na prévia.

Os dados regionais, que contabilizam mais de 100 cidades, são mais animadores: de 6,7 mil filiados, 997 se cadastraram. No País, foram 44,7 mil cadastrados entre 1,3 milhão de filiados. A disputa interna está tão quente que há quem aposte em um racha no partido após a prévia, o que poderia atrapalhar a campanha tucana em 2022 independentemente de quem seja o escolhido.

NOTAS

Na rota

Rio Preto estará, nesta sexta-feira, 19, na rota de políticos das mais variadas vertentes. O vice-governador Rodrigo Garcia (PSDB) participa de “mutirão” do emprego durante evento do governo estadual, com secretários e deputados aliados, e de evento no Fórum Central. Já Paulo Skaf (MDB), que foi candidato a governador em 2018, visita escolas do Sesi. Skaf faz mistério sobre a campanha do próximo ano, mas deve ser candidato a uma vaga no Senado.

Agro

Investimentos no setor do agronegócio irão movimentar encontro organizado pelo Lide (Grupo de Líderes Empresariais), em Rio Preto, nesta quarta-feira, 17. Irão participar do evento o secretário estadual de Agricultura, Itamar Borges (MDB), e o ex-ministro de Agricultura Antônio Cabrera Mano Filho. O evento presencial para filiados ao Lide e convidados será no restaurante Salsa Rooftop, na avenida Juscelino Kubitschek, a partir das 19h.

Trator

E vereadores da base aliada ao prefeito Edinho Araújo (MDB) deram aquela “tratorada” no pacotão de emendas apresentadas ao PPA (Plano Plurianual), que traça as metas de Rio Preto para os próximos quatro anos – 2022 a 2025. As 28 emendas anexadas ao projeto foram rejeitadas na votação desta terça, 16. As alterações, que pediam obras como reforma em unidades de saúde, escolas e tantas outras, foram apresentadas por vereadores tidos como sendo de “oposição”, mesmo que pertencentes a partidos da base – Pedro Roberto, do Patriota, e Renato Pupo, do PSDB. Além de João Paulo Rillo (Psol), esse sim oposição mais que declarada.

Completa

Provocou estranhamento o posicionamento dos dois vereadores do Republicanos, Robson Ricci e Karina Caroline, contra a convocação do secretário de Desenvolvimento Econômico, Jorge Luis Souza, na sessão desta terça, 16. O secretário seria chamado a comparecer na Câmara para explicar a denúncia de agressão de um fiscal contra um ambulante, mas a convocação foi rejeitada em plenário. Na semana passada, logo após o episódio, o presidente municipal do Republicanos, Diego Polachini, classificou a agressão como “vergonha”, cobrou providências do prefeito Edinho Araújo (MDB) e ainda criticou a Secretaria de Desenvolvimento Econômico.

Embala

O vereador rio-pretense Celso Peixão (MDB) ficou esfuziante com o parecer da Procuradoria-Geral de Justiça a favor da lei de sua autoria que prevê a instalação de câmeras em todos espaços públicos da cidade, como praças, escolas, unidades de saúde e quadras esportivas. Peixão admitiu que boa parte dos projetos apresentados pelos vereadores gera despesas ao Executivo, mas defendeu que esse tipo de proposta é, sim, de competência do Legislativo.

CURTAS

Haja emenda - Deputados estaduais apresentaram literalmente milhares de emendas ao projeto do Estado do Orçamento para o ano que vem, de R$ R$ 286,5 bilhões. A Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp), com 94 parlamentares, apresentou inacreditáveis 26.614 emendas.

 Livre - O vereador de Rio Preto Julio Donizete (PSD) apresentou projeto que prevê gratuidade no transporte coletivo para pacientes em situação de vulnerabilidade social que estão na fila de transplante de órgãos ou que realizaram o procedimento. Pelo projeto, o passe livre também deve valer para os acompanhantes dos pacientes, caso a proposta seja aprovada. 

 
Copyright © - 2021 - Grupo Diário da Região.É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Desenvolvido por
Distribuido por