SÃO JOSÉ DO RIO PRETO | SEGUNDA-FEIRA, 16 DE MAIO DE 2022
COLUNA DO DIÁRIO

Grupo de oposição na Unimed chama reunião para 'discutir cooperativa'

Opositores falam que querem mais transparência nas contas da cooperativa e um projeto mais claro da direção para enfrentar a concorrência de grupos privados que desembarcaram e ainda estão desembarcando na cidade

Maria Elena Covre, Vinícius Marques e Lucas Israel
Publicado em 11/05/2022 às 22:37Atualizado em 12/05/2022 às 09:20
Fachada da Unimed Rio Preto (Divulgação/Unimed)

Fachada da Unimed Rio Preto (Divulgação/Unimed)

Seção exclusiva para assinantes. Assine para ter acesso ilimitado.

Já sou cadastrado.

Quero ter acesso ilimitado.

COLUNA DO DIÁRIO

Grupo de oposição na Unimed chama reunião para 'discutir cooperativa'

Opositores falam que querem mais transparência nas contas da cooperativa e um projeto mais claro da direção para enfrentar a concorrência de grupos privados que desembarcaram e ainda estão desembarcando na cidade

Maria Elena Covre, Vinícius Marques e Lucas Israel
Publicado em 11/05/2022 às 22:37Atualizado em 12/05/2022 às 09:20

Fachada da Unimed Rio Preto (Divulgação/Unimed)

A eleição da Unimed Rio Preto é só em 2024, mas a disputa interna já anda em altíssima voltagem. Até agora se movimentando por meio do WhatsApp, grupo de opositores da atual diretoria está convocando médicos cooperados “em geral” para uma reunião presencial no próximo dia 18 de maio para “discutir a Unimed”.

Tendo entre as principais lideranças os médicos Marcus Vinícius Baptista, Victor Flosi e Fernando Vilhena Diniz (presidente do Sindicato dos Médicos de Rio Preto), o movimento prega renovação no comando da entidade, que há mais de duas décadas é gerida pelo mesmo grupo de médicos.

O atual presidente é o ginecologista José Luis Crivelin. Passaram pelo cargo antes dele Fernando Colturato, Emerson Gomes, Horácio Ramalho e Miguel Zeratti, entre outros.

A exemplo do que ocorreu no processo que elegeu o atual Conselho Fiscal, os opositores falam que querem mais transparência nas contas da cooperativa e um projeto mais claro da direção para enfrentar a concorrência de grupos privados que desembarcaram e ainda estão desembarcando na cidade, como HapVida e Hospital Care. Os opositores Diniz e Flosi foram os dois mais votados no Conselho Fiscal.

 A assessoria de imprensa da Unimed Rio Preto foi procurada, mas o Conselho Administrativo da cooperativa disse que não irá se manifestar sobre o assunto.

NOTAS

Bons parceiros 1

Ed Carlos, dono do Ed Buffet, vem dando ao deputado federal Luiz Carlos Motta (PL) palanques para candidato nenhum botar defeito. Depois de ciceronear o político em show de Alcione promovido pela diretoria do Monte Líbano na semana passada, o empresário promove feijoada gourmet neste sábado, 14, no mesmo Monte Líbano, com direito a atrações como Jorge Aragão e sertanejos da moda, entre outros. Motta, de novo, é convidado especial.

Bons parceiros 2

O político-sindicalista, que controla os cofres da Fecormerciários (federação que reúne mais de uma centena de sindicatos dos trabalhadores no comércio), e o empresário que tentava um lugar na constelação dos buffets de Rio Preto firmaram uma parceria nos últimos anos que se revelou um ótimo negócio para os dois. Ed, que hoje administra o gigante clube que a Fecomerciários construiu em Avaré, sempre dá um jeito de reunir gente em clima de euforia para Motta apertar as mãos, num exemplo bem basiquinho.

Assediado

Um dos poucos vereadores na Câmara de Rio Preto que ainda não explicitaram apoio a deputados estadual e federal nas eleições deste ano, o presidente da Casa, Pedro Roberto (Patriota), vem sendo cortejado por todos os lados. Somente nesta semana, ele recebeu a visita do deputado federal Eleuses Paiva (PSD) e do presidente local do Republicanos, Diego Polachini. Não é de hoje que este último “paquera” Pedro Roberto para integrar suas fileiras. Agora, com Tarcísio no embornal, ele acredita que seu poder de convencimento aumentou.

No circuito

Quem também saiu da toca e deu as caras na Câmara nesta semana foi Alex Sandro Carvalho, o todo-poderoso chefe de gabinete do governo Valdomiro Lopes (PSB). A missão foi tentar reconquistar espaço político com vereadores que beberam, e muito, na fonte do poder na era valdomirista. Alex conversou, por exemplo, com Paulo Pauléra (PP), Celso Peixão (MDB) e Jorge Menezes (PSD). Voltou ao circuito em clima de campanha eleitoral para o ex-patrão Valdomiro.

Explica aí

O diretório do MDB de Rio Preto, partido do prefeito Edinho Araújo, ainda tem pendências a resolver em relação às contas nas eleições de 2018. O partido tem 30 dias para apresentar respostas a questionamentos feitos pelo promotor Odival Cicote, da 125ª Zona Eleitoral.

Ociosos

O Ministério Público Eleitoral pediu à Justiça a suspensão dos diretórios municipais do Patriota e do PSB em Cedral. O motivo? A inatividade dos dois partidos. Os pedidos foram feitos pelo promotor Rodolfo Strazzi Arcângelo Pereira. Não custa lembrar que um dos caciques nacionais do Patriota, inclusive, está bem do ladinho da cidade. É o secretário de Serviços Gerais de Rio Preto, Ulisses Ramalho.

Vagas abertas

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) abriu duas vagas para os magistrados que desejarem pedir transferência ou remoção para o judiciário de Rio Preto. Segundo o Diário Oficial do Estado de São Paulo, as vagas abertas são para os postos de 2º e 6º juízes de direito auxiliares da comarca de São José do Rio Preto. As transferências só podem ser solicitadas até o dia 16 de maio.

VENTO VIRADO Ex-árbitro de futebol, ex-comentarista esportivo de televisão e ex-socialista, Oscar Roberto Godoi deixou-se influenciar pelos ventos da direita conservadora que bateram à sua porta e assinou nesta quarta-feira, 11, ficha de filiação no Republicanos de Rio Preto, franquia que integra, com a Record TV e a Igreja Universal do Reino de Deus, a “holding” de Edir Macedo. E que leva o bolsonarista Tarcísio de Freitas às urnas como candidato ao governo de São Paulo nas eleições deste ano. Candidato a vereador pelo melancólico PSB de 2020, em que obteve exatos 604 votos, Godoi contou, na solenidade de filiação, com a presença do ex-jogador Edinan Silveira, que já envergou a camisa do Corinthians. Figura polêmica e midiática, o ex-árbitro foi recepcionado pelo presidente local do partido, Diego Polachini, e pela Coronel Helena, pré-candidata a deputada estadual. Godoi não tem mais como disputar as eleições neste ano, mas teria se animado com as enormes oportunidades que se anunciam diante de uma virtual vitória de Tarcísio. (Divulgação 11/5/2022)

 
Grupo Diário da Região.© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por