SÃO JOSÉ DO RIO PRETO | TERÇA-FEIRA, 09 DE AGOSTO DE 2022
COLUNA DO DIÁRIO

Deputados ignoraram choradeira de Rodrigo e Edinho ao votarem pela redução do ICMS dos combustíveis

Os quatro deputados federais que representam a região de Rio Preto votaram a favor da redução do ICMS dos combustíveis na Câmara Federal

Maria Elena Covre e Vinícius Marques
Publicado em 24/06/2022 às 23:03Atualizado em 25/06/2022 às 13:44
Deputados federais que representam a região de Rio Preto, Eleuses Paiva (PSD), Fausto Pinato (PP), Geninho Zuliani (União Brasil) e Luiz Carlos Motta (PL)

Deputados federais que representam a região de Rio Preto, Eleuses Paiva (PSD), Fausto Pinato (PP), Geninho Zuliani (União Brasil) e Luiz Carlos Motta (PL)

Apesar da choradeira sem fim de prefeitos e do governador de São Paulo, Rodrigo Garcia (PSDB), os quatro deputados federais que representam a região de Rio Preto – Eleuses Paiva (PSD), Fausto Pinato (PP), Geninho Zuliani (União Brasil) e Luiz Carlos Motta (PL) – votaram a favor da redução do ICMS dos combustíveis na Câmara Federal.

O prefeito de Rio Preto, Edinho Araújo (MDB), voltou a criticar a medida nesta sexta, 24, durante evento realizado pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) com chefes do Executivo municipal de toda a região. “Não podemos admitir isso. Estão mudando a regras com o jogo em andamento”, disse ele em sua terceira declaração do gênero nos últimos dias.

Nesta mesma sexta-feira, a lei que trata do tema, aprovada pelo Congresso Nacional com apoio esmagador dos parlamentares e senadores, foi sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro (PL). Para piorar o humor de prefeitos e governadores, o mandatário vetou artigos que previam algumas compensações a Estados e municípios.

A estimativa é de que a Prefeitura de Rio Preto deixe de receber R$ 16,3 milhões somente em 2022. Já o tombo nos cofres dos 92 municípios da região, somado, deve chegar a R$ 88 milhões até dezembro deste ano.

O apoio dos deputados federais à medida do governo Bolsonaro, mesmo de aliados de Rodrigo Garcia, como Pinato e Motta, ou de Geninho, um dos políticos mais próximos do tucano, é pragmático: nenhum deles, prestes a se reencontrar com as urnas, quer ficar com o ônus de não ter colaborado com o governo federal na tentativa de reduzir os preços da gasolina, do gás de cozinha ou do diesel. Mandaram um “ema-ema, cada um com seu problema”.

NOTAS

Difícil 1

É grande a possibilidade de o prefeito de Rio Preto, Edinho Araújo (MDB), se frustrar diante da expectativa de entregar em agosto o Hospital Municipal da Região Norte. Somente nesta quinta, 23, o governo conseguiu finalizar a licitação para as obras de “ajustes” do prédio entregue pela Constroeste no final do ano passado.

Difícil 2

As obras complementares incluem “adequações no centro de material e esterilização, na cozinha e nas câmaras frias, e também no sistema de purificação de água”. A Construtora Rio Obras venceu a concorrência, com proposta de R$ 654,4 mil. Pelo contrato, o serviço deve ser concluído dentro de 3 meses. É só fazer as contas…

Suspendeu

Decisão da Justiça de Fernandópolis suspendeu o processo de licitação, por meio de convocação pública, para a gestão do AME (Ambulatório Médico de Especialidades) e do Serviço de Reabilitação Lucy Montoro da cidade, vencida pela Funfarme/Hospital de Base de Rio Preto.

Liminar

O juiz da 1ª Vara Cível de Fernandópolis, Marcelo Bonavolontá, concedeu liminar a um mandado de segurança impetrado pela Santa Casa de Fernandópolis contra a Secretaria do Estado da Saúde. Isso porque o órgão estadual desclassificou o hospital do processo de concorrência, alegando que a Santa Casa não é qualificada como Organização Social da Área de Saúde (OS).

Impedida

A Funfarme, que engloba o Hospital e Base e o Lucy Montoro de Rio Preto, foi a única habilitada pelo Estado para assumir a gestão do AME e do Lucy Montoro de Fernandópolis, processo que já havia sido iniciado. A alegação da Saúde para desqualificar a Santa Casa foi de que a entidade não tem Conselho de Administração formado, além de citar “irregularidades cometidas por gestões anteriores”. O Ministério Público já havia dado parecer favorável à liminar.

Revitaliza

Se existe um secretário da seara política que não pode reclamar da falta de palanques viabilizados pelo Executivo de Rio Preto é Fábio Marcondes, o chefe da pasta de Esportes. Nesta quinta, 23, o vereador licenciado esteve no gabinete de Edinho para assinar ordem de serviço de revitalização do Centro Regional de Eventos, orçada em R$ 1,7 milhão e a cargo da LGR Construtora. A secretaria de Marcondes acaba de ser contemplada também com mais R$ 9 milhões para a segunda etapa da reformulação do Centro Esportivo do Eldorado.

Bola cheia

Na sua passagem por Rio Preto nesta sexta o presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Dimas Ramalho, encheu a bola do vice Orlando Bolçone (União Brasil). Além de elogiar a atuação do ex-colega de Assembleia Legislativa diante de uma penca de prefeitos de toda a região, Dimas citou como “exemplar” a Conjuntura Econômica de Rio Preto, que terá sua 37ª edição. O projeto, que foi criado por Bolçone lá atrás, é realizado pelos técnicos do Planejamento.

SÓ UM PULINHO Com 17.699 votos, a terceira maior votação para deputada federal em Rio Preto em 2018, Joice Hasselmann (foto) se tornou uma metamorfose ambulante de lá para cá: mudou de partido (PSL para PSDB), trocou de mito (o presidente Jair Bolsonaro pelo ex-governador João Doria), deixou de ser a queridinha que era do bolsonarismo nos tempos de jornalista da Jovem Pan para se tornar inimiga figadal da prole presidencial, desradicalizou o discurso de direita e radicalizou na dieta, ganhando um shape “loira fatal”. Essa é a Joice Hasselmann que dará “um pulinho” até a região neste sábado, 25, para prestigiar uma festa do empresário Suélio Ribeiro. Sim, o mesmo Suélio que já disputou a Prefeitura de Tanabi pelo PT em 2004. A passagem é mesmo meteórica. A parlamentar disse que não dará tempo sequer para ir até o Hospital de Base receber o título de Parceiro do Bem que o HB quer entregar a ela. Suélio, aliás, anda prestigiado, politicamente falando. Além de Joice, receberá em seu evento o deputado estadual Itamar Borges (MDB) e o deputado federal Fausto Pinato (PP). Luiz Carlos Motta (PL) ia, mas está com Covid. (Reprodução/Rede Social)

 
Grupo Diário da Região.© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por