SÃO JOSÉ DO RIO PRETO | DOMINGO, 14 DE AGOSTO DE 2022
COLUNA DO DIÁRIO

Cacique do PSD, que tenta resgatar prefeitos da sigla fechados com Rodrigo, é esperado na região

A investida, agora, será em cima dos seis prefeitos eleitos pela legenda na região em 2020, entre os quais o de Olímpia, Fernando Augusto Cunha

Maria Elena Covre e Vinícius Marques
Publicado em 25/07/2022 às 23:02Atualizado em 26/07/2022 às 11:39
O prefeito de Olímpia, Fernando Cunha (PSD), com o governador de São Paulo, Rodrigo Garcia (PSDB) (Divulgação)

O prefeito de Olímpia, Fernando Cunha (PSD), com o governador de São Paulo, Rodrigo Garcia (PSDB) (Divulgação)

Gilberto Kassab e Eleuses Paiva, caciques nacional e regional do PSD, respectivamente, estão mesmo empenhados em mostrar serviço a Tarcísio de Freitas (Republicanos) na disputa pelo Palácio dos Bandeirantes.

E intensificam ações neste sentido na região. A investida, agora, será em cima dos seis prefeitos eleitos pela legenda na região em 2020, entre os quais o de Olímpia, Fernando Augusto Cunha.

No Estado todo, foram 65 chefes de Executivos municipais que saíram vitoriosos das urnas pelo partido.

Na última semana, Kassab, o cacique-mor, iniciou uma visita pessoal a esses prefeitos que, na maioria, já se comprometeram com Rodrigo Garcia (PSDB). O objetivo é resgatá-los do palanque tucano na base do “convencimento” e levá-los ao do ex-ministro bolsonarista.

A região de Rio Preto é o próximo alvo. Por aqui, a joia da coroa do partido a ser convencida é mesmo Cunha, apoiador de primeira hora de Rodrigo e que vem sendo muito bem “recompensado” pela gestão tucana pelo apoio público e reiteradas demonstrações de “gratidão e reconhecimento”.

Além de Olímpia, o PSD levou na região em 2020 as prefeituras de Cardoso, com Jair Cesár Nattes; Elisiário, com Cássio Bertelli; Nova Granada, com Tânia Liana Toledo; Penápolis, com Caique Rossini; e Santa Salete, com Jader Fabiano.

NOTAS

Sem chance

Kassab perderá a viagem à região se depender de Cunha. “Meu apoio a Rodrigo, além de ser um reconhecimento pelo seu trabalho a favor dos municípios paulistas, é também uma dívida de gratidão pessoal. Desde que saí do PL e me filiei ao PSD, condicionei ao Kassab, que é meu amigo de longa data, que o Rodrigo teria meu apoio se viesse a ser candidato a governador”, afirmou o prefeito de Olímpia à Coluna. “Admiro e respeito o Tarcísio, mas meu compromisso é com o Rodrigo”, concluiu.

Arquivou

O juiz Luís Guilherme Pião, da 2ª Vara Criminal de Rio Preto, arquivou em definitivo o caso dos tiros no portão da casa do vereador Bruno Moura (PSDB) na noite de 10 de fevereiro deste ano. A decisão é desta segunda-feria, 25. A Polícia Civil abriu inquérito para tentar identificar os autores dos disparos com arma de fogo sem que se chegasse a algum suspeito.

‘Atentado’

Em depoimento à polícia, Moura disse que chegou à sua residência por volta das 23h30 e, pouco depois, ouviu o barulho de uma motocicleta na rua e quatro estampidos. Três disparos acertaram o portão e três projéteis foram localizados. O vereador estava com a mulher e a filha no momento em que a casa da família foi alvejada, mas ninguém ficou ferido. Nas redes sociais, ele afirmou que tinha sido vítima de um atentado.

Sem provas

“Foram efetuadas diligências visando identificar a possível motocicleta utilizada, mas sem êxito devido à baixa qualidade de imagens obtidas, conforme relatório de investigação de p. 46/48. Assim, pelos elementos coligidos, não temos prova suficiente do crime objeto de investigação, no tocante à autoria, que autorize o ajuizamento de ação penal, apesar dos esforços e diligências realizadas”, diz o juiz.

Suspende 1

O presidente da OAB de Rio Preto, Henry Atique, protocolou nesta segunda, 25, pedido de suspensão de prazo de todos os processos que tramitam no município. A solicitação foi encaminhada à diretora do Fórum de Rio Preto, Luciana Cochito. A OAB quer também que a suspensão seja determinada pelo Tribunal de Justiça (TJ).

Suspende 2

O motivo, segundo Atique, é a constante instabilidade do sistema eletrônico do TJ. Todos os processos são eletrônicos e, desde a semana passada, o sistema apresenta falhas. Segundo o tribunal, o problema decorre da migração de data center e de atualizações do sistema judicial, “medidas imprescindíveis à manutenção, melhoria e eficiência dos serviços”.

Protestou 1

O Conselho Regional de Psicologia (CRP) de Rio Preto, que já havia se posicionado por meio de um ofício à Câmara no início deste mês contra ações de atendimento a pessoas em situação de rua pleiteadas por comerciantes da região central, como internação compulsória, voltou a se manifestar.

Protestou 2

O Conselho critica o fato de ter sido ignorado pelo prefeito Edinho Araújo (MDB) na criação de uma força-tarefa na semana passada, encabeçada por representantes da Justiça e do Ministério Público, para avaliação de cenário e implantação de medidas. Os profissionais da área defendem que teriam muito a contribuir no caso de políticas que respeitem os princípios do SUS em atendimentos do tipo.

SAIU NA FRENTE

O MDB do prefeito de Rio Preto, Edinho Araújo, começou nesta segunda-feira, 25, a instalar na avenida Alberto Andaló, esquina com a rua Marechal Deodoro, o primeiro comitê eleitoral do governador Rodrigo Garcia (PSDB) na cidade. O espaço (foto), onde funcionou o QG da campanha de Edinho em 2004, a poucos metros dos prédios da Prefeitura e da Câmara, será de responsabilidade da cúpula emedebista, mas, segundo um representante da legenda à Coluna, “ficará à disposição de todos os partidos que apoiam a reeleição do tucano”. Certamente, este não será o único ponto de referência da campanha de Rodrigo, uma vez que o deputado federal Luiz Carlos Motta (PL) e o ex-prefeito Valdomiro Lopes (PSB) já anunciaram uma dobrada “monogâmica”, com direito a comitê de campanha em comum, assim como o apoio ao tucano na disputa pelo Palácio dos Bandeirantes.

 
Grupo Diário da Região.© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por