Antologia reúne autores do Brasil, Portugal e Angola

LÍNGUA PORTUGUESA

Antologia reúne autores do Brasil, Portugal e Angola

'Tanto Mar Entre Nós', organizado por Antonio Baltazar Gonçalves e lançado pela editora Penalux, reúne poemas e contos de 15 autores de três países lusófonos


Antologia reúne obras de 15 autores de três países lusófonos: Brasil, Portugal e Angola
Antologia reúne obras de 15 autores de três países lusófonos: Brasil, Portugal e Angola - Divulgação

A língua portuguesa é reverenciada na antologia "Tanto Mar Entre Nós", lançada neste mês pela editora Penalux. Organizada pelo poeta e historiador Antonio Baltazar Gonçalves, de Franca, a publicação conta com poemas e contos de 15 autores de três países lusófonos: Brasil, Portugal e Angola. Entre eles está Carlos de Assumpção, que é considerado um dos decanos da literatura afrobrasileira, e o jovem poeta angolano João Apolinário Dalango Sebastião.

Segundo Gonçalvez, a antologia é um desdobramento de um grupo de mesmo nome que foi criado no Facebook com o intuito de reunir autores de língua portuguesa, muitos ainda não publicados, para que pudessem se conectar na unidade que representa o mar e a língua.

E o interior paulista é bem representado em "Tanto Mar Entre Nós". Entre os autores da região está a professora e poetisa Helena Souza, de Votuporanga, que tem seus versos publicados em livro pela primeira vez. "Até então não tive 'coragem' de publicar um livro só com meus escritos. A antologia deu-me segurança por estar entre tantos excelentes escritores do grupo Tanto Mar Entre Nós criado no Facebook", comenta ela, que começou a se dedicar à escrita depois que se aposentou como professora, publicando seus poemas no site Recanto das Letras, em que assina como Helena Helena.

Entre as obras de Helena publicadas na antologia está o soneto "Revelação", que fez dela uma das vencedoras do Prêmio Mundial de Poesia Nósside no ano de 2017. "Amo a palavra e todas as suas letras e sons de qualquer língua. Escrevo amadora e intermitentemente", pontua a poetisa votuporanguense, que se formou em Letras pelo Ibicel/Unesp e atuou como professora em todas as áreas da língua portuguesa, tanto no ensino público quanto particular.

"Vivi entre as palavras de escritores inteiros, profissionais, maduros: quase todos mortos de palavras tão vivas, alguns bem vivos de palavras todo dia crescendo e brilhando. A todos agradeço o ingresso aos seus mundos de desabrochados e desautomatizados dizeres", enfatiza Helena.

Diversidade

Responsável pelo texto de introdução de "Tanto Mar Entre Nós", o escritor e compositor Leonardo Almeida Filho destaca a diversidade predominante na publicação. "O que encontramos nessa antologia, além da constatação de que, mais que separar, o mar nos une e aproxima a todos, é a explosão diversificada de temas nesses gêneros tão familiares e profícuos em nossas literaturas: o conto e a poesia. Contemplando vasto território temático que vai do lirismo ao engajamento político e social, da prospecção das coisas profundas do espírito à investigação das relações humanas, da concretude ao abstrato, os textos dessa coletânea se nos revelam uma produção literária interessante, nos brindando, em sua leitura, com momentos de delícia e deleite", destaca.

"Tanto Mar Entre Nós" está à venda no site da editora Penalux. O livro custa R$ 50. Além dos autores citados, ainda há textos de Ema Machado, Jéssica Kauana Bastos, José Manuel Serradas, Luís Felipe Ascelino, Malik, Marco Aurélio Vieira, Patrícia Maia Noronha, Rodrigo Bro, Rosinei Lamas, Tânio Sad Peres Corrêa Neves, Tárcia Caires Saad e Vitor Luan Sidonio Rodrigues.