Concurso do IBGE tem 2 mil vagas na região de Rio Preto

EMPREGO

Concurso do IBGE tem 2 mil vagas na região de Rio Preto

Salários chegam a R$ 2,1 mil e contrato de trabalho será de três meses


IBGE é responsável pelo Censo da população brasileira
IBGE é responsável pelo Censo da população brasileira - Divulgação / IBGE

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) publicou nesta quinta-feira, 18, o edital de abertura de processo seletivo para contratação de pessoal para a realização do novo Censo brasileiro. Somente para a região de Rio Preto são oferecidas 2.173 vagas. No País, são 204.307 vagas temporárias disponíveis.

Das 2.173 vagas para a região, que inclui 120 cidades, são 1.910 para o cargo de recenseador, que exige ensino fundamental completo. Para estes profissionais, a remuneração é por produção, de acordo com o número de domicílios visitados e questionários respondidos.

Outras 97 vagas são para agente censitário municipal, cujo salário é de R$ 2,1 mil, e 166 são para agente censitário supervisor, com salário de R$ 1,7 mil. Os dois cargos exigem ensino médio completo.

O coordenador estadual de divulgação do IBGE, Wagner Silveira, afirma que é importante a contratação destas pessoas, para o início do censo em 1º de agosto deste ano. "As pessoas que vão ser contratadas como recenseadoras vão ter uma carga horária semanal de trabalho de 40 horas. Na região de Rio Preto, vai ser vital termos pessoas para percorrer a zona rural, vital para compor o número da população de cada cidade" explica o porta-voz do IBGE.

Antes de ir para as ruas, os agentes vão passar por processo de capacitação virtual e presencial. A etapa presencial do treinamento terá a duração total de cinco dias, com carga horária de oito horas diárias para todos os candidatos.

Também haverá instruções de como os agentes devem fazer as abordagens nas residências, levando em conta a prevenção contra a Covid, situação que não acontecia dos censos anteriores.

A direção do IBGE garante que todos os funcionários vão receber equipamentos de proteção para evitar a contaminação. "Teremos um kit com máscara, face shield e álcool em gel. Fará parte do treinamento as orientações de segurança e proteção à saúde", explica o coordenador. Segundo ele, os agentes censitários vão receber instruções inclusive sobre o distanciamento dos entrevistados.

A estimativa do prazo de trabalho de coleta de dados é de três meses, de agosto a outubro deste ano. Em novembro está prevista a divulgação do total da população de cada cidade. Este dado é importante para cálculo da verba que cada prefeitura tem direito no Fundo de Participação dos Municípios, repassada pelo governo federal.

A previsão é de que as provas objetivas sejam aplicadas presencialmente em 18 de abril para o cargo de agente censitário municipal e agente censitário supervisor. Já para a função de recenseador, as provas presenciais devem ocorrer no dia 25 de abril. Todas as provas serão realizadas seguindo os protocolos sanitários de prevenção da Covid-19.

Há isenção de taxa para candidatos membros de família de baixa renda, inscritos no CadÚnico ou doadores de medula óssea.

 

Recenseador:

  • Remuneração por produção, de acordo com o número de domicílios visitados e questionários respondidos
  • Total de vagas: 181.898
  • Vagas na região: 1.910
  • Requisitos: ensino fundamental completo
  • Contrato: de até 3 meses, podendo ser prorrogado mediante necessidade. Jornada de trabalho é de, no mínimo, 25 horas semanais

Agente Censitário Municipal: salário de R$ 2.100

  • Total de vagas: 5.450
  • Vagas na região: 97
  • Requisitos: ensino médio completo
  • Contrato: de até 5 meses, podendo ser prorrogado mediante necessidade. Jornada de trabalho de 40 horas semanais, sendo 8 horas diárias

Agente Censitário Supervisor: salário de R$ 1.700

  • Total de vagas: 16.959
  • Vagas na região: 166
  • Requisitos: ensino médio completo
  • Contrato: de até 5 meses, podendo ser prorrogado mediante necessidade. Jornada de trabalho é de 40 horas semanais, sendo 8 horas diárias

Inscrições:

  • Para as vagas de recenseador, as inscrições começam no dia 23 de fevereiro e vão até 19 de março, pelo site http://www.cebraspe.org.br/concursos/ibge_20_ recenseador. A taxa de inscrição é de R$ 25,77. Prova no dia 25 de abril
  • Para as vagas de agente censitário (municipal e supervisor), as inscrições começam nesta sexta-feira, 19, e vão até 15 de março pelo site http://www.cebraspe.org.br/concursos/ibge_20_agente. A taxa de inscrição é de R$ 39,49.
  • Prova no dia 18 de abril
  • Candidatos podem participar dos dois processos seletivos
  • Resultado sai no dia 27 de maio

O Diário da Região utiliza cookies e tecnologias semelhantes, como explicado em nossa Política de Privacidade, a fim de melhorar experiencia do usuário. Ao navegar por nosso conteúdo, o usuário aceita tais condições.

 Concurso do IBGE tem 2 mil vagas na região de Rio Preto

EMPREGO

Concurso do IBGE tem 2 mil vagas na região de Rio Preto

Salários chegam a R$ 2,1 mil e contrato de trabalho será de três meses


IBGE é responsável pelo Censo da população brasileira
IBGE é responsável pelo Censo da população brasileira - Divulgação / IBGE

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) publicou nesta quinta-feira, 18, o edital de abertura de processo seletivo para contratação de pessoal para a realização do novo Censo brasileiro. Somente para a região de Rio Preto são oferecidas 2.173 vagas. No País, são 204.307 vagas temporárias disponíveis.

Das 2.173 vagas para a região, que inclui 120 cidades, são 1.910 para o cargo de recenseador, que exige ensino fundamental completo. Para estes profissionais, a remuneração é por produção, de acordo com o número de domicílios visitados e questionários respondidos.

Outras 97 vagas são para agente censitário municipal, cujo salário é de R$ 2,1 mil, e 166 são para agente censitário supervisor, com salário de R$ 1,7 mil. Os dois cargos exigem ensino médio completo.

O coordenador estadual de divulgação do IBGE, Wagner Silveira, afirma que é importante a contratação destas pessoas, para o início do censo em 1º de agosto deste ano. "As pessoas que vão ser contratadas como recenseadoras vão ter uma carga horária semanal de trabalho de 40 horas. Na região de Rio Preto, vai ser vital termos pessoas para percorrer a zona rural, vital para compor o número da população de cada cidade" explica o porta-voz do IBGE.

Antes de ir para as ruas, os agentes vão passar por processo de capacitação virtual e presencial. A etapa presencial do treinamento terá a duração total de cinco dias, com carga horária de oito horas diárias para todos os candidatos.

Também haverá instruções de como os agentes devem fazer as abordagens nas residências, levando em conta a prevenção contra a Covid, situação que não acontecia dos censos anteriores.

A direção do IBGE garante que todos os funcionários vão receber equipamentos de proteção para evitar a contaminação. "Teremos um kit com máscara, face shield e álcool em gel. Fará parte do treinamento as orientações de segurança e proteção à saúde", explica o coordenador. Segundo ele, os agentes censitários vão receber instruções inclusive sobre o distanciamento dos entrevistados.

A estimativa do prazo de trabalho de coleta de dados é de três meses, de agosto a outubro deste ano. Em novembro está prevista a divulgação do total da população de cada cidade. Este dado é importante para cálculo da verba que cada prefeitura tem direito no Fundo de Participação dos Municípios, repassada pelo governo federal.

A previsão é de que as provas objetivas sejam aplicadas presencialmente em 18 de abril para o cargo de agente censitário municipal e agente censitário supervisor. Já para a função de recenseador, as provas presenciais devem ocorrer no dia 25 de abril. Todas as provas serão realizadas seguindo os protocolos sanitários de prevenção da Covid-19.

Há isenção de taxa para candidatos membros de família de baixa renda, inscritos no CadÚnico ou doadores de medula óssea.

 

Recenseador:

  • Remuneração por produção, de acordo com o número de domicílios visitados e questionários respondidos
  • Total de vagas: 181.898
  • Vagas na região: 1.910
  • Requisitos: ensino fundamental completo
  • Contrato: de até 3 meses, podendo ser prorrogado mediante necessidade. Jornada de trabalho é de, no mínimo, 25 horas semanais

Agente Censitário Municipal: salário de R$ 2.100

  • Total de vagas: 5.450
  • Vagas na região: 97
  • Requisitos: ensino médio completo
  • Contrato: de até 5 meses, podendo ser prorrogado mediante necessidade. Jornada de trabalho de 40 horas semanais, sendo 8 horas diárias

Agente Censitário Supervisor: salário de R$ 1.700

  • Total de vagas: 16.959
  • Vagas na região: 166
  • Requisitos: ensino médio completo
  • Contrato: de até 5 meses, podendo ser prorrogado mediante necessidade. Jornada de trabalho é de 40 horas semanais, sendo 8 horas diárias

Inscrições:

  • Para as vagas de recenseador, as inscrições começam no dia 23 de fevereiro e vão até 19 de março, pelo site http://www.cebraspe.org.br/concursos/ibge_20_ recenseador. A taxa de inscrição é de R$ 25,77. Prova no dia 25 de abril
  • Para as vagas de agente censitário (municipal e supervisor), as inscrições começam nesta sexta-feira, 19, e vão até 15 de março pelo site http://www.cebraspe.org.br/concursos/ibge_20_agente. A taxa de inscrição é de R$ 39,49.
  • Prova no dia 18 de abril
  • Candidatos podem participar dos dois processos seletivos
  • Resultado sai no dia 27 de maio

O Diário da Região utiliza cookies e tecnologias semelhantes, como explicado em nossa Política de Privacidade, a fim de melhorar experiencia do usuário. Ao navegar por nosso conteúdo, o usuário aceita tais condições.