SÃO JOSÉ DO RIO PRETO | DOMINGO, 25 DE JULHO DE 2021
PROTESTO

Manifestação contra racismo reúne cerca de 60 pessoas em Rio Preto

Grupo protesta contra a morte de um homem negro na última quinta-feira, 19, em uma unidade do Carrefour em Porto Alegre. Unidade do hipermercado em shopping fechou as portas. Veja vídeo

Bruno FerroPublicado em 21/11/2020 às 17:39Atualizado há 06/06/2021 às 16:58
[object Object]

Grupo protesta contra a morte de um homem negro na última quinta-feira, 19, em uma unidade do Carrefour em Porto Alegre. Unidade do hipermercado em shopping fechou as portas. Veja vídeo (Johnny Torres 21/11/2020)

Manifestação organizada pelo Movimento Negro de Rio Preto reúne cerca de 60 pessoas na tarde deste sábado, 21, no Riopreto Shopping, em frente a uma unidade do Carrefour. O hipermercado fechou a porta de entrada durante o protesto.

A manifestação é contra o ato de violência que causou a morte de João Alberto Silveira Freitas - asfixiado e assassinado por seguranças de uma unidade do hipermercado Carrefour no Rio Grande do Sul na quinta-feira, dia 19, véspera do Dia da Consciência Negra.

A manifestação em Rio Preto reúne jovens, mulheres e pessoas que militam por direitos iguais para a população negra. O grupo pede justiça e o fim da discriminação racial.

João Alberto Silveira Freitas foi espancado e morto por dois homens brancos que integravam a equipe de segurança da unidade do Carrefour Passo D'areia, na capital gaúcha. Os suspeitos, um de 24 anos e outro de 30 anos, foram presos em flagrante, sendo que um deles foi levado a um presídio militar por integrar a Brigada Militar do Rio Grande do Sul. A Polícia Civil trata o caso como homicídio qualificado.

Em nota na sexta-feira, 20, o Grupo Carrefour considerou a morte "brutal" e disse que "adotará as medidas cabíveis para responsabilizar os envolvidos". Afirmou também que vai romper o contrato com a empresa responsável pelos seguranças e que o funcionário que estava no comando da loja durante o crime "será desligado". O grupo disse ainda que a loja será fechada em respeito à vítima e que dará o "suporte necessário" à família da vítima.

Grupo reunido em praça ao lado do estádio Anísio Haddad (Johnny Torres)
Grupo reunido em praça ao lado do estádio Anísio Haddad (Johnny Torres)
Grupo reunido em praça ao lado do estádio Anísio Haddad (Johnny Torres)
Grupo em frente a unidade do Carrefour no Riopreto Shopping (Johnny Torres)
Grupo em frente a unidade do Carrefour no Riopreto Shopping (Johnny Torres)
Protesto
manifestação
Riopreto Shopping
Carrefour
Rio Preto
 
Copyright © - 2021 - Grupo Diário da Região.É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Desenvolvido por
Distribuido por