Pintor escondia drogas no banheiro de igreja em Rio Preto
Foram encontradas 62 porções de cocaína e R$ 3,5 mil no forro da igreja
Foram encontradas 62 porções de cocaína e R$ 3,5 mil no forro da igreja - Divulgação/Baep

O pintor Luiz Codogno Neto, de 31 anos foi preso na tarde desta quinta-feira, 25, por tráfico de drogas. Segundo a polícia, ele escondia 62 porções de cocaína dentro de uma igreja evangélica no bairro Anchieta, em Rio Preto.

O pintor foi preso quando policiais militares do Batalhão de Ações Especiais (Baep) de Rio Preto foram até a casa do suspeito, no bairro Esplanada, para checar uma denúncia de tráfico de drogas.

Ele teria saído correndo quando viu a chegada da viatura, mas foi detido dentro de casa.

Na residência do suspeito não havia droga, mas ele teria confessado que guardava porções de cocaína, a pedido de um outro homem, na igreja onde o pai é pastor evangélico.

De acordo com o capitão do Baep Laerte Cavalari, foi necessário usar Dara, uma cadela treinada do Canil, para encontrar a droga escondida no forro do banheiro feminino da igreja. Além dos entorpecentes foram apreendidos R$ 3,5 mil em dinheiro.

"Aparentemente, o pastor não sabia que o rapaz guardava a droga dentro da igreja dele, mas também deve ser ouvido na delegacia durante o inquérito", diz o capitão.

O delegado de plantão, Marcelo Parra, da Central de Flagrantes, determinou a prisão de Luiz por tráfico de drogas. A polícia está à procura do outro suspeito.