Crime em 2019

Deic prende suspeito de matar web designer


Um morador de Guapiaçu, de 49 anos, foi preso na manhã desta terça-feira, 19, por uma equipe da Divisão Especializada de Investigações Criminais (Deic) de Rio Preto por suspeita de ter assassinado Rodrigo Teodoro de Jesus, 39 anos, conhecido como Theo Maximiliano - o crime foi em outubro do ano passado. O corpo da vítima foi encontrado abandonado às margens da BR-153, próximo de Onda Verde.

A Deic esclareceu o crime depois de pesquisar com quem a vítima tinha mantido mais contato dias antes de ser assassinada. Foi descoberto que o web designer tinha marcado encontro com o morador de Guapiaçu, que não teve o nome divulgado pela polícia.

O suspeito chegou a prestar depoimento em outubro do ano passado, o que aumentou a suspeita sobre a participação dele no crime. As informações foram contestadas e a equipe da Deic teria reunido em relatório uma série de indícios de que ele seria o autor do homicídio.

Com base nas provas, o delegado do caso representou à Justiça pela prisão temporária do suspeito, que foi encontrado e preso na manhã desta terça-feira. Em novo depoimento, ele admitiu que conheceu a vítima pelas redes sociais, e que eles foram colegas de trabalho e tiveram desavenças comerciais e pessoais.

"Chamou a vítima até sua casa e a esganou até a morte. Colocou o corpo na caçamba de sua camionete e jogou às margens da rodovia Transbrasiliana", informou a Deic. O homem será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória (CDP).