Decisão do MEC

Universidade Brasil tem cursos extintos


O Ministério da Educação (MEC) publicou uma portaria extinguindo cursos da Universidade Brasil, de Fernandópolis. O documento foi publicado nesta quinta-feira, 14, no Diário Oficial da União, e também suspende a possibilidade da instituição celebrar novos contratos para bolsas do Prouni e do Fies.

A decisão atinge ainda cursos de Biologia, Ciência da Computação, Ciências Biológicas, Física, Geografia, Administração, Gastronomia, Serviço Social, Matemática, entre outros. Além do campus de Fernandópolis, outros cursos oferecidos pela universidade em outras cidades também foram extintos pela portaria. A maioria deles a instituição de ensino tinha criado, mas ainda não estavam em funcionamento.

Em março, o Ministério da Educação já havia determinado o fechamento do curso de Medicina da Universidade Brasil de Fernandópolis. No ano passado, a faculdade foi alvo da Operação Vagatomia, da Polícia Federal, que resultou na prisão de parte da diretoria e de funcionários, suspeitos de envolvimento em esquema de fraude que teria resultado em desvio de R$ 500 milhões dos programas Fies e Prouni, desde então a instituição de ensino tenta reverter a situação.

A Universidade Brasil se disse surpresa com a decisão do MEC e diz que tentará revertê-la. "De forma muito preocupante, a portaria prejudica diretamente mais de 20 mil alunos e cerca de 2.200 colaboradores da instituição, todos já fragilizados tanto pelas questões que a nova reitoria tem para dirimir quanto pela trágica pandemia que assola nosso País", disse em nota. Ainda segundo a universidade, as aulas, que durante a pandemia estão acontecendo por meio de plataforma digital, vão continuar ocorrendo até uma nova decisão. A universidade tem prazo de 30 dias para apresentação de recurso.