X

Diário da Região

12/07/2015 - 00h39min

Artigo

Fazer o bem faz bem

Artigo

Rubens Cardia Marcos Antonio Lelis Moreira é promotor de Justiça e dirigente espírita
Marcos Antonio Lelis Moreira é promotor de Justiça e dirigente espírita

"Bem-aventurados os misericordiosos,porque eles alcançarão misericórdia". (Mateus cap.5, v.7)
 

A vida nos oferece um convite permanente para a felicidade, e o melhor caminho para alcançá-la é fazer os outros felizes. Assim, fazendo os outros felizes, estaremos vivendo o melhor significado de religião, que é a proposta de religar a criatura ao Criador. Portanto, pessoa verdadeiramente espiritualizada, religiosa, é aquela que se preocupa em fazer e faz o bem sempre. Jesus, o Divino Mestre, ensina que bem-aventurada, feliz, é a pessoa que tem misericórdia, e esta virtude deve ser demonstrada por nossas ações. Uma forma simples de demonstrá-la é fazer o bem, sem preocupação de alcançar retribuição ou reconhecimento. Basta agir, porque a própria vida, naturalmente, responderá às nossas ações.

Na verdade, quando fazemos o bem, os maiores beneficiados somos nós mesmos, porque estaremos conectados, sintonizados com sublimes benfeitores espirituais. Nestes momentos, alcançaremos uma sensação magnífica, que é o resultado da energia que atinge a intimidade de nossas almas, nos dando harmonia, produzindo reações benéficas, não só a nosso espírito, como também às nossas células físicas, contribuindo para a nossa saúde. É a vida respondendo às nossas ações no bem. É a presença de Deus em nós. Em muitos momentos de nossa existência, esquecemos disso, que é a verdadeira bênção da vida, e reclamamos de tudo e nos sentimos as pessoas mais desditosas do mundo, abandonados por Deus.

Nesta hora, é preciso alterar o foco, vencer a barreira da ilusão, provocada pelo egoísmo, para deixarmos de olhar somente para nós mesmos e enxergar o nosso próximo, e então veremos que há inúmeras pessoas necessitando de nossa atenção, do nosso carinho, do nosso apoio, do nosso auxílio material e espiritual. Não duvide, todos temos potencial para ajudar os outros. A diferença entre um benfeitor, um missionário do amor e uma pessoa comum é a atitude, é a disposição, a vontade de auxilar a todos.

Fazer o bem nos faz bem. É o melhor remédio contra todas as mazelas de nossa existência, nos proporcionando alegria de viver, que é o combustível para seguirmos adiante em busca de nossa iluminação espiritual. Querido leitor, não há tristeza, nem depressão ou angústia que resistirá a esta alegria de fazer o bem. Experimente, inicie já uma atividade no bem. E, garanto, você sentirá todos esses benefícios. É esta a melhor parte da vida: contribuir de alguma forma para a felicidade do nosso próximo. Nos sentiremos mais juntos de Jesus, verdadeiramente seus discípulos.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso