X

Diário da Região

26/05/2015 - 00h02min

Saúde emocional

Coragem para mudar

Saúde emocional

Stock Images/Divulgação NULL
NULL

Você certamente conhece pessoas assim: elas pensam no que os outros querem, no que os outros dizem, tentando sempre preservar a própria imagem, em vez de respeitar seus desejos legítimos e sua vocação. Vivem frustradas por não viverem a vida que gostariam. E não têm coragem para mudar. "Reaja contra tudo aquilo que você não quer na sua vida. Jogue fora o que o incomoda e comece de novo", recomenda o escritor e coach editorial Gilberto Cabeggi, autor dos livros "Todo Dia É Dia de Ser Feliz" e "Antes Tarde do Que Nunca" (ed. Gente).

É preciso coragem para se colocar na direção do que fará você feliz. É necessário ajustar as velas do seu barco para ventos mais favoráveis e posicionar o leme da sua existência na direção dos seus sonhos. "Então, é hora de segurar firme o timão, e colocar seu barco para navegar. Na direção certa, é claro", diz Cabeggi. Pare de prometer a si mesmo que um dia vai mudar e comece a trabalhar para valer nessas mudanças. Mudar é preciso. A hora é agora. 

Liberdade de escolha

"Somos livres, mas não sabemos. Podemos praticar a liberdade de escolha diante dos desafios cotidianos da vida, mas muitas vezes nos entregamos aos pensamentos negativos e perdemos grandes oportunidades de transformação", diz o terapeuta Alex Pattakos no livro "Prisioneiros dos Nossos Pensamentos" (ed. Rocco). 

Para o autor, o homem deve buscar com empenho valores e objetivos significativos, e evitar a tendência recorrente à autossabotagem e ao pensamento negativo. A chave para a transformação está em uma atitude otimista diante dos desafios. É possível visualizar saídas criativas para os problemas. Pattakos, no entanto, destaca que não basta ter boas intenções e pensamentos positivos. "É preciso agir e também visualizar com paixão e emoção a resolução dos problemas". É necessário buscar algo que faça a vida valer a pena. Apesar do prazer e do poder serem atrativos, ambos são sentimentos efêmeros e sujeitos a forças imprevistas.

Vale a pena pagar o preço

Quando o sofrimento é uma constante, quando a situação já não satisfaz, quando a felicidade há muito deixou de ser sua companheira, vale a pena pagar o preço de uma mudança que lhe dê novas esperanças de ser feliz. "Não há preço que seja alto o suficiente para fazer você desistir de ser feliz", diz Gilberto Cabeggi. Continuar sendo infeliz é o maior e o pior dos preços que se pode pagar na vida. 


Você está satisfeito?

O primeiro passo é avaliar o quanto você está satisfeito ou insatisfeito com sua vida e pensar nas mudanças que pode fazer de modo a torná-la mais estimulante. "Antes de pensar em mudanças, é preciso descobrir como você está", diz Cabeggi. Afinal, não dá para traçar um plano de viagem para chegar a um determinado local sem saber antes onde estamos. Pense a respeito de sua condição de vida, não esquecendo de consultar seu coração. Esse será seu ponto de partida para as mudanças que o levarão a uma vida mais feliz. Procure ver o que realmente o faz feliz e observe quais são os impedimentos. Pode ser que eles só existam na sua cabeça. 

Desprenda-se da zona de conforto

O medo do fracasso é uma das grandes razões para não fazer nada diferente. A segurança e a falsa impressão de estar em um ambiente de trâmite fácil prevalecem sobre a aventura e o risco. Essa fuga faz com que se desista cedo demais diante da dificuldade. Sabe-se que é na superação dos obstáculos que se encontram os mapas do tesouro para vitórias até mesmo insuspeitadas. É muito comum vermos pessoas paralisadas ao depararem com uma situação imprevista. Seja na vida social ou no trabalho, não saber o que fazer ou como agir dá medo. 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso