Diário da Região

02/07/2016 - 00h00min

Estilo

Camas personalizadas

Estilo

Arnaldo Mussi/Divulgação No loft das arquitetas Teresa Espada e Ariadne Feltrim, da Espada Arquitetura & Design, elas investiram na chamada cabeceira conceitual para o espaço do homem solteiro criado para a primeira edição do I’Casa, do Shopping Iguatemi, em Rio Preto. No lugar de uma cabeceira tradicional, adesivos na parede que trazem à tona uma identidade pessoal do usuário (Foto: Arnaldo Mussi/Divulgação)
No loft das arquitetas Teresa Espada e Ariadne Feltrim, da Espada Arquitetura & Design, elas investiram na chamada cabeceira conceitual para o espaço do homem solteiro criado para a primeira edição do I’Casa, do Shopping Iguatemi, em Rio Preto. No lugar de uma cabeceira tradicional, adesivos na parede que trazem à tona uma identidade pessoal do usuário (Foto: Arnaldo Mussi/Divulgação)

As cabeceiras vieram para ficar. Com a proliferação da cama box, mais presente nos quartos dos brasileiros, elas viraram peça versátil para compor o ambiente. Como tudo no universo da decoração, existem vários modelos, cores, tamanhos e materiais. E, consequentemente, diversas dúvidas na hora de escolher.
De acordo com o diretor comercial da Marcato, Leandro Marcato, de Rio Preto, as cabeceiras têm duas funções básicas. “A utilização somente da cama box deixa o ambiente muito vazio, por isso a cabeceira entra com um papel importante de proteger a parede de sujeiras e deixar o ambiente mais aconchegante.”
Feita ou revestida com couro, madeira, tecido ou fórmica, não existe um tamanho padrão para a cabeceira ideal. “O recomendado é que elas sejam maiores que o colchão, passando pelo menos 20 centímetros em cada lateral e 50 cm acima do colchão. Existem opções que revestem toda a parede, dando acabamento de fundo para cama e também para os móveis laterais”, explica Marcato.
Durante a Isalone (Salone Del Mobile), realizada em abril em Milão, o uso de madeira natural foi uma das principais tendências da maior feira de móveis do mundo, segundo Marcato. No caso das cabeceiras, elas são fabricadas com MDF e revestidas com lâmina natural. 

Couro

As cabeceiras estofadas são ótimas opções quando se quer atribuir sensação de aconchego maior, se comparado aos modelos de madeira ou outros materiais que não são macios. 
A arquiteta e urbanista Milena Cury Mourão, de Rio Preto, destaca que “o couro em geral se apresenta em cores neutras e lisas que facilitam bastante na hora de decorar, permitindo ousar em cores, estampas e texturas”. “Quando usado em tons mais escuros como o preto e marrom, dão toque maior de sobriedade. Os tons de branco, bege e palha dão um pouco mais de leveza ao quarto.”

Tecido

Poliéster, camurça e veludo são os materiais mais utilizados quando o assunto é cabeceira de tecido ou estofadas. Elas podem ser confeccionadas lisas (sem costura), matelassê (costura aparente em formato de quadrados, losangos ou retângulos), em placas quadradas ou retangulares, com capitonê (estofamento acolchoado dividido por pontos com costuras grossas) e botonê (igual ao capitonê, porém os pontos são marcados por botões).
De acordo com a arquiteta Tatiana Tapparo, da Versátil Home & Office, em Rio Preto, é importante que a peça ‘converse’ com o restante da decoração do ambiente. “Costumo indicar cabeceiras de cama com tecidos lisos, pois como é uma peça grande e presente no quarto fica mais fácil de compor a decoração com os demais itens. Uma cabeceira estampada também pode ser utilizada, porém ela deve ser a peça-chave do ambiente e o restante da decoração será mais neutra.”

Gesso

As feitas com gesso podem ser uma boa opção, já que trata-se de um material de fácil manuseio e de modelagem diversificada. “A cabeceira de gesso permite a criação de detalhes, como nichos, cavas para iluminação embutida e frisos. Permite diversos tipos de pintura e até mesmo aplicação de lâminas de madeira”, explica o arquiteto Pedro Victor Garcia, do Mister Gesso, em Rio Preto. V&A

Serviço
Ateliê Maria Madeira, em Rio Preto, (17) 3364-2994
Claudia Togni, em Rio Preto, (17) 3229-1200
Espada Arquitetura & Design, em Rio Preto, (17) 3364-4152
Marcato - Móveis Planejados, em Rio Preto, (17) 3121-7544
Milena Cury Mourão, em Rio Preto, (17) 99721-9557
Mister Gesso, em Rio Preto, (17) 3364-7887
Versátil Home & Office, em Rio Preto, (17) 3364-4407 

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso