Diário da Região

08/10/2012 - 15h56min

São Paulo

Serra diz que PT quer usar eleição para abafar mensalão

São Paulo

Guilherme Baffi Rafael Grampola, que marcou 8 gols na Copinha, brinca com panela e bola
Rafael Grampola, que marcou 8 gols na Copinha, brinca com panela e bola

O candidato do PSDB à Prefeitura de São Paulo, José Serra (PSDB), afirmou na tarde desta segunda que o PT quer usar as eleições municipais para "abafar" a repercussão do julgamento do mensalão no Supremo Tribunal Federal (STF) - suposta compra de votos de parlamentares no primeiro mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. "O PT vai querer usar essa eleição para abafar a questão do mensalão. Isso é muito claro", afirmou o tucano, que disputa o segundo turno das eleições municipais paulistanas com o petista Fernando Haddad.

O candidato do PSDB disse ainda que o tema do mensalão deve fazer parte do segundo turno da campanha. "O mensalão está presente nos noticiários, no rádio, na televisão, no dia a dia e nos debates. Por que haveria de estar fora de uma campanha?", questionou. "De forma nenhuma", concluiu.

Em passeata realizada na Vila Formosa, na zona leste da capital paulista, o tucano visitou o comércio da região e cumprimentou eleitores. Questionado se a visita à zona leste fazia parte de alguma estratégia para angariar votos na região, Serra negou e justificou sua ida dizendo que almoçou na casa de uma tia que reside próximo. "É só porque era aniversário da minha tia que mora na Mooca, e aqui era mais perto. Não tem estratégia", explicou.

José Serra afirmou também que pretende fazer a campanha do segundo turno ressaltando o debate de ideias, e discutindo a biografia de cada candidato e o grupo ao qual ele está ligado, destacando que é preciso analisar o grupo que anda junto de um candidato.

Indecisos

Serra falou também que os cerca de 20% de eleitores que se abstiveram nesta eleição na capital devem estar no foco de atenção do PSDB neste segundo turno. "É muita gente, mais de 1,5 milhão de pessoas, sem contar os que votaram em outros candidatos", afirmou. Questionado sobre a atuação do PT na periferia, Serra minimizou, ironizando: "Eles (petistas) têm, muita saliva, constroem creches com saliva, unidades de saúde com saliva. Nós construímos com tijolo, cimento e recursos humanos."

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso