Diário da Região

30/03/2012 - 06h26min

Em duas linhas

Miniônibus estão em ‘treinamento’

Em duas linhas

Edvaldo Santos Miniônibus estavam operando ontem no terminal rodoviário
Miniônibus estavam operando ontem no terminal rodoviário


O consórcio Riopretrans, formado pelas empresas Circular Santa Luzia e Expresso Itamarati, que controla o sistema de transporte coletivo de Rio Preto, colocou miniônibus para operar apenas em duas linhas que atendem os bairros Brejo Alegre e Estância Nova Veneza. As empresas ainda mantêm a maior parte da frota de miniônibus (59 veículos) encostada em suas garagens, alegando que a Prefeitura de Rio Preto não oferece infraestrutura viária para os veículos.


Os miniônibus usados nas duas linhas utilizam a inscrição “em treinamento” na dianteira. No início da semana, a assessoria de imprensa do consórcio Riopretrans informou que os veículos, com capacidade para 35 passageiros, seriam utilizados em caráter experimental. Os motoristas dos miniônibus fazem relatórios apontando o estado crítico da pavimentação das ruas e avenidas por onde circulam.


O consórcio aponta que as ruas das linhas atendidas pelos miniônibus possuem valetas e lombadas, que provocam danos nos veículos. Os ônibus batem a traseira e a dianteira quando passam pelos obstáculos, de acordo com a assessoria das empresas. O secretário de Trânsito de Rio Preto, Aparecido Capello, admitiu o problema. A empresa Logitrans, contratada pela Prefeitura para prestar consultoria na execução dos contratos de concessão das linhas de ônibus, indicou que vai analisar as reclamações das empresas, para buscar uma solução.


Exigência


O prefeito Valdomiro Lopes (PSB) exigiu do consórcio Riopretrans que os miniôbus entrem em operação em mais linhas neste final de semana. O prefeito ameaçou punir as empresas concessionárias do sistema de transporte coletivo se a determinação não for cumprida. No entanto, o prefeito não estabeleceu o número de veículos que deverão sair às ruas.


A assessoria do consórcio Logitrans afirmou que até a tarde de ontem, as empresas Circular Santa Luzia e Expresso Itamarati não haviam definido as demais linhas que seriam beneficiadas com os miniônibus a partir de amanhã. Além dos veículos com com capacidade para 35 pessoas, os contratos de concessão assinados com a Prefeitura exigem veículos com 70 e 90 lugares.


Linhas


A Circular Santa Luzia pagou à Prefeitura R$ 7,1 milhões para comandar 35 linhas de ônibus. Já a Expresso Itamarati desembolsou R$ 3,9 milhões para obter o comando de outras 20 linhas. O novo sistema de transporte coletivo de Rio Preto entrou em operação no dia 2 de novembro. As duas empresas já atuavam na antiga concessão.



Quer ler o jornal na íntegra? Acesse aqui o Diário da Região Digital

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso