Diário da Região

16/11/2002 - 00h05min

Finanças públicas

Alckmin muda estrutura de secretarias

Finanças públicas

Arquivo Geraldo Alckmin, quer mudar estrutura para reduzir custos
Geraldo Alckmin, quer mudar estrutura para reduzir custos
O governador reeleito de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), deverá mexer na estrutura de secretarias para reduzir custos administrativos. Ele estuda também medidas para melhorar a eficiência dos gastos públicos, como a adoção de pregões para compras do governo. ?Estamos pensando num novo organograma para buscar mais eficiência e reduzir custos?, afirmou ontem pela manhã o governador. Alckmin não informou se haverá novas fusões entre secretarias, como a das Secretarias de Recursos Hídricos, Saneamento e Obras e Energia -projeto já enviada à Assembléia Legislativa. Despesas com água, energia elétrica e telefone são os principais alvos do estudo do governo paulista. ?Queremos gastar bem, fazer economia e ter um serviço de melhor qualidade?, observou o governador, que estuda também a criação de parcerias com o setor privado.

As medidas de controle dos gastos seriam objeto de uma reunião ontem à tarde entre Alckmin e o seu assessor especial João Carlos Meirelles, que coordenou a campanha de reeleição do governador. Meirelles é responsável pela execução do programa de governo e pela interlocução com todas as secretarias de Estado. Segundo Alckmin, especialistas de várias áreas vão participar do encontro. ?Queremos estabelecer um conjunto de medidas na linha de ajuste fino?, disse. O governador considera difícil uma alteração na data da posse do novo governo paulista, de 1º para 5 de janeiro de 2003, caso seja adiada a posse do novo presidente da República para o dia 6 de janeiro. ?Acho pouco provável porque teríamos que mudar a Constituição?, observou.

Juros
Alckmin criticou um eventual aumento na Selic (taxa básica de juros), que, de acordo com expectativas do mercado financeiro, deverá ser novamente elevada na reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central da próxima semana. ?Não vejo grandes benefícios para se aumentar novamente a taxa Selic, que já está tão alta?, afirmou o governador. Em sua opinião, um novo aumento vai resultar numa retração da atividade econômica. ?Cria-se um círculo vicioso: a taxa de juros sobe, a economia se retrai, o desemprego aumenta, o governo arrecada menos, a dívida cresce mais.? O governador vistoriou ontem de manhã as obras de recuperação do Centro Educativo, Recreativo e Esportivo do Trabalhador (Ceret), no Tatuapé, zona leste da capital. O projeto de revitalização do Ceret, recuperação dos equipamentos e reforma do balneário e outras áreas para práticas esportivas, vai custar R$ 1,55 milhão. Na etapa inicial, foram liberados R$ 200 mil para a reforma na parte hidráulica e elétrica das piscinas, que serão reabertas hoje, depois de oito meses sem funcionar. Com 286 mil metros quadrados, o Ceret abriga a maior piscina da América Latina, com uma área de 5 mil metros quadrados e capacidade para 4 milhões de litros de água. De acordo com o diretor executivo do centro recreativo, Antônio Raphael de Vita, trabalhadores de aproximadamente 100 sindicatos freqüentam o local.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso