X
X

Diário da Região

12/07/2016 - 11h53min

Srinagar

Protestos escalam na Caxemira indiana e governo convoca reunião de emergência

Srinagar

O primeiro-ministro da Índia, Narenda Modi, convocou hoje uma reunião de emergência para tratar da escalada da violência em protestos anti-Índia na Caxemira, que já deixaram 29 mortos e enviaram centenas aos hospitais. Os protestos irromperam no final de semana, após tropas indianas matarem um líder popular do maior grupo rebelde da região. Os manifestantes desafiaram o toque de recolher e atacaram as forças da polícia e paramilitares com pedras. Na principal cidade da região, Srinagar, muitos políticos separatistas foram presos. Uma greve geral está marcada para amanhã. Um jovem foi morto nesta terça-feira após as forças do governo abrirem fogo sobre os manifestantes que atacaram uma estação de polícia em Kupwara, e queimaram uma viatura. Ao menos dois outros civis ficaram feridos, a maioria jovens. Um oficial foi morto nos protestos. Médicos e autoridades da saúde afirmam que a emergência média já levou centenas aos hospitais, com ferimentos causados armas letais e não letais. Ao menos 100 policiais também deram entrada. O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, expressou sua preocupação com o aumento da violência na região. Em um comunicado, ele pediu a ambos os lados para "evitar a violência" e espera que "todas as questões sejam resolvidas de modo pacífico". O conflito na região data de 1947, quando a Índia e o Paquistão conquistaram a independência do Reino Unido, mas discordaram quanto à posse da Caxemira. Dois dos três conflitos entre os adversários foram pela disputa da região, que permanece dividida entre os dois países. Do lado indiano, muitos dos 12 milhões de residentes apoia grupos rebeldes que tentam fundir o país com o lado paquistanês. Desde 1990, mais de 68 mil pessoas morreram da Caxemira indiana. Fonte: Dow Jones Newswires.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso