X
X

Diário da Região

24/05/2016 - 20h43min

São Paulo

PMDB está propondo censura, diz Haddad sobre representação

São Paulo

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), disse nesta terça-feira, 24, que o PMDB está propondo uma "instância de censura" ao pedir uma investigação sobre suposto uso de máquina pública municipal para incitar a população contra o presidente em exercício, Michel Temer. Nesta segunda, 23, a bancada peemedebista na Câmara Municipal apresentou representação ao procurador-geral de Justiça de São Paulo, Gianpaolo Smanio, pedindo investigação sobre o ocorrido na Virada Cultural, quando mensagens de "Fora Temer" e "Vai ter Luta" foram veiculadas em painéis eletrônicos montados e pagos pela Prefeitura. "O PMDB está propondo o quê? Uma instância de censura? Acho que é mais um factoide político, querer fazer graça, aparecer. Não faz sentido", afirmou o prefeito. Haddad defendeu que não pode censurar artistas e que eles são os responsáveis pelas mensagens transmitidas. "O que ele vai cantar, o que vai dizer no palco, como a plateia vai reagir, não passa pela censura." Segundo Haddad, a Prefeitura não contrata artista "por viés ideológico" para eventos como a Virada Cultural. "Todo mundo é contratado por São Paulo. Lobão já deu show na Virada na minha gestão. Leci Brandão, Criolo... Tem de tudo. E a liberdade de expressão do artista. Censura não dá", disse. Para os vereadores Nelo Rodolfo, Ricardo Nunes e George Hato, a gestão Fernando Haddad (PT) permitiu que essas mensagens, de "luzes intermitentes e variação de cores", fossem transmitidas ao público que acompanhava os shows em palcos montados nas Avenidas Rio Branco, São João e nas Praça da República e Júlio Prestes. Entre os artistas que se apresentaram nesses locais estão Criolo e Nação Zumbi. Ao jornal O Estado de S. Paulo, Rodolfo disse que o prefeito "está mentindo". "Durante a Virada, nenhum artista se manifestou contra o presidente Michel Temer. As manifestações que ocorreram foram dos luminosos, que eram da própria Prefeitura. Haddad foi profundamente infeliz. Num ato de desespero, incitou a população de forma irresponsável, provocando clima de revolta", afirmou o vereador.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso