X
X

Diário da Região

18/12/2015 - 09h11min

Cidade do Vaticano

Papa certifica milagre de Madre Teresa, que deve agora virar santa

Cidade do Vaticano

Reprodução Madre Teresa nasceu na Macedônia como Agnes Bojaxhiu, em 1910
Madre Teresa nasceu na Macedônia como Agnes Bojaxhiu, em 1910

O papa Francisco certificou o milagre necessário para santificar Madre Teresa de Calcutá, informou o Vaticano nesta sexta-feira. Com isso, a religiosa que cuidou dos mais pobres receberá a maior honra da Igreja Católica apenas duas décadas depois de sua morte, tornando-se uma santa.

Francisco aprovou um decreto atribuindo um milagre à intercessão de Madre Teresa durante uma audiência na quinta-feira, quando o pontífice cumpriu 79 anos, informou o Vaticano. Não foi fixada uma data para a canonização, mas a imprensa italiana especula que ela poderia acontecer na primeira semana de setembro do próximo ano, para coincidir com o aniversário da religiosa, em meio ao ano santo da misericórdia decretado pelo papa.

Ganhadora do Nobel da Paz, Madre Teresa morreu em 5 de setembro de 1997, aos 87 anos. Na época de sua morte, a ordem dela, as Missionárias da Caridade, tinha 4 mil freiras, que comandavam quase 600 orfanatos, abrigos e clínicas pelo mundo. O papa Francisco conheceu Madre Teresa, quando ambos participaram do sínodo do Vaticano em 1994.

Na ocasião, o hoje pontífice era arcebispo. Jorge Mario Bergoglio viu nela uma mulher forte, capaz de dar um testemunho corajoso em meio à assembleia de bispos, lembrou o porta-voz do Vaticano, Federico Lombardi. "Eu teria medo de tê-la como minha superior, já que ela era tão dura", lembrou o pontífice. Nascida na Macedônia como Agnes Gonxha Bojaxhiu em 1910, a religiosa foi beatificada em 2003, em Roma, após o Vaticano dizer que as orações de uma indiana à freira livraram a mulher de um tumor considerado incurável.

O milagre necessário para a canonização é relativo à cura inexplicável em 2008 de um homem no Brasil, que havia ficado um dia em coma, segundo o jornal italiano católico Avvenire. O Vaticano aceitou que as orações da mulher do paciente pela intercessão de Madre Teresa foram responsáveis pela cura. Fonte: Associated Press.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso