X
X

Diário da Região

12/01/2016 - 15h16min

São Paulo

Obama faz hoje à noite seu último discurso no Congresso sobre o Estado da União

São Paulo

O presidente dos EUA, Barack Obama, faz na noite desta terça-feira seu último discurso sobre o Estado da União no Congresso, às 21h do horário local (meia-noite, de Brasília). Espera-se que o último discurso anual de seu mandato não seja "tradicional" no conteúdo e nem no formato. Esta será a última oportunidade de alto perfil de Obama de falar com o público antes do início das assembleias populares de Iowa, que abrem o processo de eleições primárias, no dia 1º de fevereiro. Em um vídeo divulgado na semana passada, Obama antecipou que seu último discurso sobre o Estado da União será mais direcionado aos norte-americanos em geral do que ao Congresso, porque seu desejo é falar à nação sobre "grandes temas" pendentes que garantirão um país "melhor, mais forte e mais próspero para as futuras gerações". Ontem, o porta-voz da Casa Branca, Josh Earnest, afirmou que o presidente dos EUA irá focar seu discurso nas "oportunidades e desafios que o país enfrenta" e ressaltar que a decisão que for escolhida agora terá "um impacto significativo nas futuras gerações de americanos". Obama não deve apelar diretamente para os norte-americanos manterem o Partido Democrata na Casa Branca para um terceiro mandato consecutivo. No entanto, o presidente falará sobre as conquistas alcançadas durante o seu mandato, que termina em janeiro de 2017, dizendo que a melhor forma de preservar o que foi conquistado é escolher outro democrata nas eleições de novembro. Entre os grandes feitos, é provável que Obama cite a recuperação econômica, que tem sido impulsionada por uma grande queda no desemprego - atualmente em 5,0% - e pela melhora da indústria automobilística. Além disso, espera-se que Obama ressalte suas medidas contra a mudança climática, além de ações de política externa, como, por exemplo, o acordo nuclear com o Irã e a aproximação com Cuba. Já sobre as questões que ainda faltam ser debatidas, Obama deve ressaltar a necessidade de um maior controle das armas de fogo, um tema prioritário neste fim de mandato, e reiterar sua vontade de fechar a prisão de Guantánamo.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso