Diário da Região

23/10/2012 - 09h29min

Mulher e cientista

Cientista brasileira vence prêmio da Unesco

Mulher e cientista

Divulgação Marcia, de 52 anos, namora e não tem filhos, dedica a maior parte do seu tempo a física
Marcia, de 52 anos, namora e não tem filhos, dedica a maior parte do seu tempo a física

A brasileira Marcia Barbosa foi anunciada como uma das cinco escolhidas na 15.ª edição dos Prêmios L'Oréal-Unesco para Mulheres na Ciência, que distribui US$ 100 mil para cada pesquisadora em reconhecimento por seus estudos.

Marcia, que esteve na segunda-feira (22) no Rio de Janeiro para a reunião anual da União Internacional de Física Pura e Aplicada (Iupap, na sigla em inglês), da qual é vice-presidente, vê a premiação como oportunidade de mostrar que "cientistas são normais".

"É uma grande chance de mostrar que mulheres podem se dedicar à ciência e ter uma vida normal, com família, e ter charme. É uma carreira muito divertida. Nós não somos louquinhas. O preconceito ainda é muito forte", afirmou a cientista, diretora do Instituto de Física da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Ela investirá parte do prêmio no laboratório de Fluidos Complexos e em viagens a trabalho para as quais é convidada.

Para concorrer ao prêmio é preciso ser indicada por colegas. O nome de Marcia foi apontado pelos americanos Anneke Senger e Michael Fisher e pelo brasileiro Constantino Tsallis pela descoberta de uma anomalia na água que pode explicar desde como ocorrem terremotos ao surgimento de uma doença autoimune.

"Anomalia é tudo o que não é comum. Como a água é abundante, a gente não presta atenção de que isso é incomum. A gente não vê ferro líquido, nitrogênio líquido, não tem como comparar. Mas a água tem mais de 60 anomalias. A gente é feito de água, tudo é feito de água. As anomalias na água impactam a nossa vida fortemente", diz Marcia.

Ela se dedicou à anomalia da difusão. A cientista faz a comparação com o trânsito: quando aumenta o número de carros nas ruas, o tráfego fica lento. Na água ocorre o oposto. "Quando a temperatura está razoavelmente alta e começa a comprimir a água, ou seja, o número de partículas aumenta, essas partículas andam mais depressa. Isso é pouco usual. A gente descobriu que a água se move mais rápido e conseguiu ver o mecanismo na simulação em computador."

Esse mecanismo ocorre quando a água interage. Se essa interação ocorre com uma proteína, por exemplo, pode afetá-la e desencadear uma doença autoimune. "Antes os pesquisadores só olhavam a proteína. Mas o comportamento anômalo da água explica os sistemas biológicos."

História

Marcia, de 52 anos, namora e não tem filhos. Filha de um militar eletricista, passou a infância consertando objetos com o pai. No ensino médio, em uma escola pública em Canoas (RS), tornou-se responsável pelo laboratório da escola. Descobriu a vocação para a ciência e contrariou os planos da família, que sonhava com uma médica ou engenheira.

Quando perguntada por que nunca aceitou os convites para atuar fora do País, responde: "Estudei em escola pública. Esse povo pagou toda a minha educação. Não seria correto da minha parte, agora que estou podendo produzir, ir embora". As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso