X
X

Diário da Região

01/10/2015 - 12h46min

Rio

Beltrame diz que ato na Providência foi "bárbaro" e policiais serão expulsos

Rio

O secretário de Segurança do Rio, José Mariano Beltrame, admitiu que a alteração da cena de morte do jovem Eduardo Felipe dos Santos Victor e sua provável execução por policiais da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do Morro da Providência, no centro do Rio, "abala a credibilidade" do processo de pacificação. Beltrame disse que considerou a ação dos PMs, flagrada em vídeo por uma testemunha, "um ato totalmente desastroso" e "bárbaro" e que os cinco agentes serão expulsos da corporação. "A maneira que eu tenho de me desculpar com a população do Rio de Janeiro é colocando essas pessoas na rua. Não há outro tipo de alternativa ou de atitude a ser tomada. Vamos colocá-los na rua de maneira rápida, através de um processo administrativo. Essas pessoas não são dignas de participar de um projeto que está salvando vidas", disse. Beltrame disse que nesta quarta-feira, 30, foi ao Quartel Central da PM e pediu agilidade na investigação administrativa do episódio. Os cinco PMs, presos desde terça-feira, no Batalhão Prisional, em Benfica (zona norte), respondem também a inquéritos civis, que investigam a fraude processual e a morte do adolescente. Mesmo com a gravidade do caso, Beltrame disse que o projeto das UPPs "segue adiante". Quando viu o vídeo pela primeira vez, pensou se tratar de uma "cena absurda". "É uma cena absurda, uma cena intolerável. Inadmissível isso conviver com um processo de pacificação", declarou. Ironicamente, dois dias depois do caso, Beltrame participou, na manhã desta quinta-feira, 01, de uma cerimônia de premiação de policiais de UPPs, oferecida pelo Instituto Mudando o Final. Na cerimônia, menções a casos como a morte de Eduardo Victor não apareceram. Em vez delas, muitos elogios eram tecidos aos policiais. Os dois únicos comandantes de UPPs premiados foram o capitão Alexandre Lima Ramos, da UPP Alemão, e o capitão Jean Carlos Sanches, da Vila Cruzeiro. As duas comunidades, na zona norte, sofrem com constantes tiroteios entre PMs e traficantes.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso